Cidades

Crimes contra a vida reduzem, mas roubos em residências mantém alta em março em Goiás

Balanço apresentado pela Secretaria da Segurança Pública mostra queda também nos casos de estupro e roubo de veículos


Murillo Soares
Do Mais Goiás | Em: 01/04/2019 às 16:23:02

(Foto: Divulgação/SSP-GO)
(Foto: Divulgação/SSP-GO)

Números apresentados nesta segunda-feira (1º) à imprensa pelo Secretário da Segurança Pública, Rodney Miranda, mostram, no último mês de março, uma queda significativa na maioria dos crimes em Goiás, entre eles homicídios e latrocínio (roubo seguido de morte), em comparação com o mesmo período do ano passado. Os roubos e furtos a residências, porém, mantém uma alta que se repete desde o início de 2019.

Em março deste ano a SSP registrou, 467 assassinatos em todo o estado, número 11,39% menor que em 2018, quando foram contabilizadas, no mesmo período, 527 mortes. Os estupros também reduziram: de 195 casos em 2018, para 186 registros agora. Com 22 casos em 2019, contra 30 ocorridos no ano passado, os latrocínios apresentaram uma queda de 26,67%.

(Foto: Divulgação/SSP-GO)

Outra redução significativa aconteceu no roubo de veículos, que diminuíram de 3.318 em 2018, para 1.386 agora, queda de 58,23%. Apesar de comemorar principalmente a redução nos crimes contra a vida, Miranda continua preocupado com o aumento no número de roubos de residências.

Em março do ano passado, foram registrados 704 casos deste crime. Em 2019, subiram o número subiu para 912.

“Desde o princípio, nós focamos no trabalho de inteligência de nossas tropas, que, como mostram os números, principalmente os que se referem aos homicídios, e apreensões de drogas, tem sido muito eficientes, e agora nós já estamos trabalhando para reduzir também, já nos próximos dias, os casos de roubos e furtos em residências”, afirmou o secretário.

A apreensão de 10 toneladas de drogas nos três primeiros meses deste ano, contra seis toneladas que foram retiradas de circulação pelas polícias de Goiás no mesmo período de 2019 também foi comemorada por Rodney Miranda.