FolhaPress

Crianças emocionam técnicos e público na estreia de The Voice Kids

Ao todo, nove crianças se apresentaram nas audições às cegas para Carlinhos Brown, Gaby Amarantos e Michel Teló

Crianças emocionam técnicos e público na estreia de The Voice Kids
(Foto: Fábio Rocha/Globo)

A sexta temporada do programa The Voice Kids estreou neste domingo (6) com emoção por parte dos técnicos e do público de casa. Ao todo, nove crianças se apresentaram nas audições às cegas para Carlinhos Brown, Gaby Amarantos e Michel Teló.

A primeira a se apresentar foi Sofia Farah, de Rio das Ostras (RJ). Ela cantou “Mercedez Benz”, de Janis Joplin, e deixou os técnicos embasbacados. “Estou impactada!”, disse Amarantos. “Você é o tipo de pessoa que me toca e me inspira”, completou. Como todos haviam virado a cadeira para ela, ela escolheu ficar no time Brown.

Depois, foi a vez de Edu Lima Sanfoneiro, de Craíbas (AL), se apresentar com a música “Verdadeiro Amor”. Gaby Amarantos e Michel Teló viraram a cadeira, mas o garoto escolheu ficar no time da cantora. “Você é o Brasil que eu acredito”, elogiou ela. “Viva a música brasileira, viva você!”

Na sequência, a apresentação foi de Rafaela Carrer, de Piratininga (SP). Ela cantou “Girl on Fire”, de Alicia Keys, e conseguiu chamar a atenção dos três técnicos. Ela escolheu ficar no time Teló. “Você colocou fogo nesse palco”, avaliou o cantor.

João Vitor Kindel, de Taió (SC), emocionou Carlinhos Brown ao cantar “A Whole New World”. “Você tem uma voz impressionante”, disse o técnico. “Eu gosto disso aqui, de estar com o microfone na mão, cantando para as pessoas”, comentou o garoto.

A apresentação seguinte foi de Anna Clara Dias, de João Pessoa (PB). Todos os técnicos viraram a cadeira quando ela cantou “No Dia Em Que Eu Saí de Casa”, sucesso de Zezé Di Camargo e Luciano. A menina decidiu ficar no time Teló e fez o anúncio cantando: “Assim você me mata”.

Depois, Bia Miranda, de Niterói (RJ), cantou “Tristeza” e já estava quase desacreditada quando Carlinhos Brown e Gaby Amarantos viraram as cadeiras no último segundo. “Estar aqui e conseguir manter a calma e tranquilidade é muito difícil”, disse a cantora paraense, que foi escolhida para ser a técnica da menina.

Na sequência, Sarah Justus, de Curitiba (PR), cantou “Somebody to Love”, de Freddie Mercury. Ela não foi escolhida por nenhum dos técnicos, mas os três fizeram questão de elogiá-la. “Você ainda tem muita estrada pela frente”, disse Gaby. “Joga esse sorriso no rosto porque você é boa”, completou Carlinhos Brown.

Assim, chegou a vez de Raissa Diniz, de Funilândia (MG), se apresentar com a música “Tijolinho por Tijolinho”. Michel Teló e Gaby Amarantos viraram a cadeira, mas ela escolheu ficar no time do primeiro. “É muito bom você cantar essa música sertaneja com uma voz feminina”, disse Gaby. ” Quero só ver crescer esse movimento.”

A última apresentação do dia foi de Kaori Yokota, de Araçatuba (SP). Ela cantou a música “You Raise Me Up” e conseguiu o interesse dos três técnicos, que ficaram impressionados com a capacidade vocal da menina. Ela escolheu ficar no time Brown.