Amistoso

Contra o Haiti, Gabigol faz dois e Seleção olímpica volta a golear

Há três dias, a jovem equipe canarinho já havia feito seis na República Dominicana.




Duas goleadas contra dois adversários frágeis: missão cumprida para a Seleção Brasileira sub-23, que, em preparação para as Olimpíadas de 2016, venceu o Haiti por 5 a 1 nesta segunda-feira, na Arena da Amazônia, em Manaus. Há três dias, a jovem equipe canarinho já havia feito seis na República Dominicana.

Os tentos da vitória sobre os haitianos foram anotados por Maicon, Vinícius Araújo (do Cruzeiro), Gabriel Jesus e Gabriel, o Gabigol, que fez dois. O meia do Shakhtar Donestk-UCR e os atacantes de Palmeiras e Santos também haviam deixado suas marcas contra os dominicanos. Pelo lado visitante, quem balançou as redes foi o dianteiro Belfort.

Com o amistoso desta segunda-feira foi encerrado o segundo momento de reunião da Seleção sub-23 no segundo semestre deste ano. No início de setembro, os atletas com idade olímpica haviam se apresentado para duelo contra a França, do qual saíram derrotados por 2 a 1. Agora, estão liberados para a reta final de temporada em seus clubes no Brasil e, os que atuam na Europa, para a sequência das competições do continente, que se iniciaram há cerca de dois meses.

Quem comandou a representação verde-amarela sub-23 neste período foi Rogério Micale, que é técnico da Seleção Brasileira sub-20. O treinador do time nas Olimpíadas, entretanto, será o chefe a equipe principal canarinho, Dunga.