Cidades

Confronto entre Rotam e quadrilha especializada em roubo a bancos termina com seis mortos na Grande Goiânia

De acordo com a PM, os suspeitos se preparavam para explodir uma agência bancária em Goianira quando foram rendidos pelos policiais


Kayque Juliano

Do Mais Goiás | Em: 23/02/2019 às 11:13:03


O primeiro confronto foi em Goianira(Foto: Prefeitura de Goianira)
O primeiro confronto foi em Goianira(Foto: Prefeitura de Goianira)

Seis suspeitos de envolvimento com explosão de caixas eletrônicos foram mortos após troca de tiros com policiais de Rondas Ostensivas Táticas Metropolitanas (Rotam), na madrugada deste sábado (23), em Goianira e Aparecida de Goiânia. O grupo criminoso já era monitorado pelo Grupo Antirroubo a Banco (GAB) da Polícia Civil.

De acordo com a PM, quatro homens foram abordados pelos militares enquanto se preparavam para explodir os caixas eletrônicos de uma agência bancária em Goianira. Segundo a corporação, o quarteto tentou fugir atirando contra os policiais, que revidaram. Baleados, os suspeitos morreram antes de receber o atendimento médico.

Posteriormente, as equipes foram informadas pelo Grupo Antirroubo a Bancos (GAB) que uma quadrilha especializada em explosão de caixas eletrônicos era monitorada e se preparava para explodir outras agências. As equipes foram até o endereço informado, no Jardim Dom Bosco, em Aparecida de Goiânia.

Durante a tentativa de abordagem, os militares foram recebidos a tiros e houve um novo confronto. Dois suspeitos foram baleados e morreram no local. Outros três que não resistiram a prisão e foram presos em flagrante.

Com o grupo, os policiais apreenderam dois veículos roubados, seis armas de fogo, explosivos, e 10 quilos de cocaína.