Concurso Público

Concurso público: Goiás vai contratar novos auditores fiscais

As inscrições serão abertas no dia 26 de julho e vão até o dia 24 de agosto, pelo site da FCC. A taxa de inscrição será de R$ 200,00.


Altemar Santos
Do Mais Goiás | Em: 29/06/2018 às 15:54:39


A Secretaria de Estado da Fazenda publicou nesta quinta-feira, dia 28, o edital de realização do concurso público para contratação de auditores fiscais da Receita Estadual. Serão oferecidas 28 vagas mais cadastro de reserva, com salário de R$ 20.940,62. O edital foi assinado no dia anterior (27/06) pelo secretário da Fazenda, Manoel Xavier Ferreira Filho.

Com duas fases, sendo uma de provas objetivas e outra de avaliação de títulos, o concurso será realizado pela Fundação Carlos Chagas (FCC). As inscrições serão abertas no dia 26 de julho e vão até o dia 24 de agosto, pelo site da FCC. A taxa de inscrição será de R$ 200,00.

O secretário da Fazenda, Manoel Xavier Ferreira Filho, ressalta que o último concurso para o fisco foi realizado em 2004 e que a contratação vai suprir as vagas abertas ao longo dos anos da carreira de auditor fiscal, responsável pela arrecadação de impostos estaduais. A primeira fase do certame, composta por provas objetivas, está prevista para o dia 30 de setembro.

Com peso 1, os candidatos serão avaliados nas seguintes matérias: português, raciocínio lógico quantitativo e matemática financeira, direito constitucional, direito administrativo, direito civil/empresarial, finanças públicas e orçamento público, Estado de Goiás (realidade ética, social, histórica, geográfica, cultural, política e econômica de Goiás), tecnologia da informação. Além dessas matérias, os candidatos farão provas objetivas de contabilidade geral, avançada e auditoria, direito tributário e legislação tributária, com peso 2.

A divulgação do resultado final do concurso está prevista para o dia 31 de janeiro. Além da publicação no Diário Oficial do Estado (DOE), o edital – que pode ser acessado no link também está disponível no site da Sefaz, no banner Concurso Fisco 2018.

Junto com o anúncio, a Comissão Organizadora do Concurso emitiu ainda um comunicado aos candidatos, cuja íntegra publicamos abaixo:

COMUNICADO AOS CANDIDATOS

Buscando dar transparência ao processo seletivo para provimento ao cargo de Auditor Fiscal da Receita Estadual do quadro de pessoal do Fisco, a Comissão Especial do Concurso nomeada pela Portaria nº 033/2018 – GSF torna público que solicitou orçamentos para contratar instituição especializada para a realização de atividades pertinentes à execução do certame. Pelo projeto enviado às instituições, o concurso deverá ter duas fases classificatórias.

A prova objetiva terá 120 questões, valendo 180 (cento e oitenta) pontos. A avaliação de títulos valerá até quatro pontos, somando 184 (cento e oitenta e quatro) pontos possíveis. A avaliação objetiva será dividida em dois grupos. Do grupo I, serão 60 questões com peso 1, sendo as matérias: português, raciocínio lógico-quantitativo/matemática financeira, direito constitucional, administrativo, civil/empresarial, finanças e orçamento público, Estado de Goiás e tecnologia da informação.

Pelo grupo II, serão 60 questões com peso 2, e trará as seguintes disciplinas: contabilidade geral, avançada e auditoria, legislação e direito tributário. Para a avaliação de títulos, a Comissão definiu que Doutorado nas áreas de Direito, Economia, Contabilidade, Estatística ou Administração pontuam 4, Mestrado nas mesmas áreas podem valer 2 pontos, e pós-graduação “lato sensu” : 1 ponto por título. A pontuação máxima dessa etapa é 4, independentemente da quantidade de títulos apresentados.

Após o processo de contratação da organizadora, será publicado o edital. A Comissão decidiu retirar o Projeto Básico deste documento, porque entendeu se tratar de assunto técnico endereçado à contratação da organizadora, mantendo apenas as informações relevantes aos candidatos. Comissão Especial do Concurso Goiânia.