Do Mais Goiás

Comissão de ética da CBF se reúne e decide afastar Rogério Caboclo

A decisão é por afastar por 30 dias o Presidente da Confederação Brasileira de Futebol, Rogério Caboclo.

Rogério Caboclo
Divulgação/ CBF

A Comissão de Ética da CBF se reuniu neste domingo (06), e decidiu afastar por 30 dias o Presidente da Confederação Brasileira de Futebol, Rogério Caboclo.

A decisão veio após a repercussão do caso de denúncias de assédio sexual e moral feitas por uma funcionária da CBF.

Por regulamento, quem assume o cargo interinamente é o vice presidente presidente mais velho, no caso, Antônio Carlos Nunes.

A defesa de Rogério Caboclo informou, em nota, que ele nunca cometeu nenhum tipo de assédio e vai provar isso na investigação.

Foto: Divulgação/ CBF