CBF libera torcida para Série D e Aparecidense corre atrás de liberação da prefeitura

A Aparecidense irá enfrentar o Cianorte nas oitavas de final da Série D

Jogadores da Aparecidense reunidos no gramado
Jogadores da Aparecidense reunidos no gramado. Foto: Nicolle Mendes - Aparecidense

Nesta terça-feira (21), a Confederação Brasileira de Futebol enviou um ofício às federações estaduais no qual libera o público nos jogos das oitavas de final da Série D. Com a liberação, a Aparecidense já está atrás da documentação necessária para contar com o apoio do seu torcedor no jogo contra o Cianorte, no dia 2 de outubro.

“A Associação Atlética Aparecidense encaminhou uma solicitação ao Comitê de Combate a Covid-19 solicitando a liberação de 30% da capacidade total no Estádio Aníbal Batista de Toledo destinada ao público. Agora o processo está em análise”, destacou a nota do Camaleão.

Vale destacar ainda, que no ofício da CBF, os clubes devem informar com até 72 horas antes da partida se terá ou não a presença do público. Também foi destacado que para garantir o equilíbrio técnico da competição, não será permitido que apenas uma das equipes do confronto tenha a presença do público. Desta forma, para o Camaleão ter a presença do seu torcedor, o Cianorte também precisa da liberação.

A CBF destacou que para o retorno do público, deverá ser cumprido todos os protocolos de recomendações, que foi divulgado no dia 12 de agosto, pela entidade. Para esses primeiros jogos, também não será permitido a presença do torcedor visitante nos jogos.

Quando a Aparecidense entra em campo pela Série D?

O próximo jogo em casa da Aparecidense será apenas no dia 2 de outubro, porém, o Camaleão terá o primeiro confronto das oitavas de final da Série D já no próximo final de semana. No domingo (26), os goianos vão até o Paraná para duelar contra o Cianorte, no estádio Alvino Turbay. Na última fase, a Aparecidense eliminou a Caldense e o Cianorte venceu o Cascavel.