Latrocínio

Casal de idosos é assassinado a facadas em Campo Limpo de Goiás; suspeitos foram presos em flagrante

De acordo com a PC, o crime foi cometido pelo caseiro da chácara com a participação da esposa e do irmão. Eles haviam sido demitidos há poucos dias


Kayque Juliano
Do Mais Goiás | Em: 08/11/2018 às 11:36:49

Casal assassinado em Campo Limpo de Goiás. 
(Foto: Reprodução/ Redes Sociais)
Casal assassinado em Campo Limpo de Goiás. (Foto: Reprodução/ Redes Sociais)

Um casal de idosos foi assassinado a facadas em uma chácara em Campo Limpo de Goias, cidade a 71 quilômetros de Goiânia. Os corpos de Leandro Canedo Guimarães dos Santos, 78 anos, e Darci Prado Canedo Guimarães dos Santos, de 76, foram encontrados na tarde desta quarta-feira (7) na propriedade do casal. Os suspeitos de cometer o crime foram presos pela Polícia Civil (PC) em Luziânia, no Entorno do Distrito Federal.

De acordo com a PC, Leandro era criador de cavalos da raça Mangalarga. Ele foi atacado quando estava no curral. Já a esposa foi morta na porta de casa. O casal morava em uma chácara a 800 metros da entrada principal da cidade.

Três pessoas foram presas em flagrante suspeitas de cometer o crime: o caseiro da chácara, Milton Istuário Vieira; a mulher dele, Rosane Patrícia Rodrigues; e o irmão dele, Ademilson Istuário Barbosa.

De acordo com a PC, Milton e Rosane foram demitidos há alguns dias, no entanto, não saíram da propriedade alegando que tinham dinheiro a receber. Em razão disso, eles teriam praticado o crime e, para não deixar testemunhas, mataram também a esposa de Leandro.

Milton e Rosane foram presos na madrugada desta quinta-feira (8) em Luziânia. Já o irmão do caseiro, Ademilson, foi localizado em Brasília. Eles foram levados para Campo Limpo, onde foram autuados por duplo latrocínio.

Com o trio, a polícia encontrou móveis que foram roubados após o crime. O carro da vítima, que foi usado pelos autores no momento da fuga, foi localizado carbonizado.

O caso é investigado pelo Grupo de Investigações de Homicídios de Anápolis. Um coletiva de imprensa está marcada para a tarde desta quinta-feira (8) para falar sobre o caso.