Mas queria o que?

Casal compra casa de ‘Invocação do Mal’ e reclama de assombrações

"Vimos portas abrindo, ouvimos passos e batidas", disse um dos novos donos da casa


Murillo Soares
Do Mais Goiás | Em: 13/07/2019 às 19:07:31

(Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)

O jovem casal Cory e Jennifer Heinzen fizeram uma compra, no mínimo, peculiar. Os dois compraram a casa onde os paranormais Ed e Lorraine Warren investigaram atividades de espíritos. O que inspirou o primeiro filme Invocação do Mal. Agora, reclamam de assombrações.

“Vimos portas abrindo, ouvimos passos e batidas”, disse Cory. “Eu não sinto que é algo maldoso, mas tem estado muito ativo”, completou.

Os pombinhos já planejam se mudar dali e morar em outro lugar. Uma sábia decisão. Eles, entretanto, não pretendem vender a casa; querem abri-la para visitação de fãs e curiosos. “Amo que temos a oportunidade de compartilhar o local com outras pessoas”, declarou Jennifer. (com informações do R7)

Invocação do Mal: uma franquia lucrativa

O terceiro filme da franquia Invocação do Mal tem estreia prevista para 11 de setembro de 2020. Entretanto, a saga de filmes do universo de Ed e Lorraine Warren já se expandiu em muitos outros longas.

A saga começou com Invocação do Mal (2013) e seguiu por: Annabelle (2014), Invocação do Mal 2 (2016), Annabelle 2(2017), A Freira (2018), A Maldição da Chorona (2019) e Annabelle 3 (2019).

As histórias dos filmes são dramatizações de situações reais que aconteceram com os verdadeiros Ed e Lorraine em meados de 1960, 1970 e 1980. Hoje, ambos estão falecidos.

Ed faleceu em 2006, aos 79 anos; e Lorraine, em abril de 2019, aos 92.

Ed e Lorraine Warren interpretados na saga de filmes 'Invocação do Mal'

(Foto: Divulgação)