Da Redação
Do Mais Goiás

Carro atinge loja de móveis ao desviar de bloqueio de obras, em Goiânia

Segundo relatos de testemunhas que estavam presente no momento do acidente, o motorista da Range Rover fugiu após o acidente. A passageira do veículo, que ficou ferida, foi deixada no local

Moradores e comerciantes do Setor Pedro Ludovico ficaram assustados após carro atingir uma loja de móveis em Goiânia. (Foto: Leitora/Mais Goiás)
Moradores e comerciantes do Setor Pedro Ludovico ficaram assustados após carro atingir uma loja de móveis em Goiânia. (Foto: Leitora/Mais Goiás)

Moradores e comerciantes do Setor Pedro Ludovico ficaram assustados após carro atingir uma loja de móveis localizada no cruzamento da Avenida Jamel Cecílio com a Rua PL 8, na região Sul de Goiânia. Testemunhas afirmam que o motorista bateu contra o estabelecimento na madrugada desta quinta-feira (19), depois que tentou desviar de um bloqueio da obra do Complexo Viário.

Segundo relatos de testemunhas que estavam presente no momento do acidente, o motorista da Range Rover fugiu após o acidente. A passageira do veículo, que ficou ferida, foi deixada no local. Ela foi socorrida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgências (Samu). Sem acesso ao nome da vítima, o Mais Goiás não conseguiu verificar o estado de saúde da paciente.

As informações de pessoas que presenciaram o acidente dão conta ainda de que o motorista estaria bêbado e em alta velocidade. Com o impacto, a loja ficou parcialmente destruída.

“A Prefeitura acha que é só fazer viaduto, não estuda escoamento de trânsito e resulta nisso. A Av. Jamel Cecílio está um caos. Tivemos acidente do domingo e agora este. Há muitos transtornos no local. Precisamos de uma providência”, disse a dona da loja em vídeo enviado ao Mais Goiás.

Equipes da Secretaria Municipal de Trânsito (SMT) estiveram no local e afirmaram que não será preciso fazer alterações na sinalização da região pois o veículo atingiu apenas a loja de móveis.

 

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Mais Goiás (@maisgoias) em