Decar

Carga de carne avaliada em R$ 300 mil é recuperada em Bela Vista

A empresa responsável pela carga percebeu, pelo GPS, que o caminhão fazia uma rota diferente da combinada e acionou a Polícia Civil de Goiás

Cidades

Karla Araujo
Do Mais Goiás | Em: 16/03/2017 às 15:20:23

O motorista e o neto dele, de apenas três anos, foram reféns por três horas (Foto: Polícia Civil)
O motorista e o neto dele, de apenas três anos, foram reféns por três horas (Foto: Polícia Civil)

Uma carga de carne de cerca de 27 toneladas e avaliada em R$ 300 mil foi recuperada na tarde desta quinta-feira (16), no município de Bela Vista, Região Metropolitana de Goiânia. O titular da Delegacia Estadual de Repressão a Furtos e Roubos de Cargas (Decar), Alexandre Bruno de Barros, afirma que o motorista e o neto dele, de apenas três anos de idade, foram reféns por cerca de três horas.

“Um homem estava com as vítimas na cabine do caminhão e pelo menos outras duas pessoas os escoltavam em um carro. Quando eles viram a viatura da polícia, fugiram”, afirma o delegado. O veículo saiu do município de João Pinheiro, em Minas Gerais, e tinha como destino o Pará.

Quando a empresa responsável pela carga percebeu, pelo GPS, que o caminhão fazia uma rota completamente diferente da combinada com o motorista, acionou a Polícia Civil de Goiás. Segundo Barros, ninguém foi preso quando a carga foi recuperada, mas a investigação continua.

Tópicos