Festival

Canto da Primavera começa nesta quarta-feira em Pirenópolis

Na abertura oficial do evento, haverá shows com a Banda Phoenix, a cantora Sabah Moraes e Orquestra Sinfônica Jovem de Goiás com entrada franca





//

Numa mistura de tradição e modernidade em um cenário encantador, o Canto da Primavera 2015, dá largada nesta quarta-feira (09/12), às 19h30, em Pirenópolis. Na abertura oficial do evento, shows com a Banda Phoenix, a cantora Sabah Moraes e Orquestra Sinfônica Jovem de Goiás, no Teatro Sebastião Pompeu de Pina, com entrada franca.

Proporcionar troca de experiências e dialogar com os diferentes gêneros musicais produzidos em Goiás são objetivos do Canto da Primavera que reiteram a ampliação e divulgação de bandas e cantores do Estado.

Com a proposta de ocupar os espaços culturais de Pirenópolis, o festival foca na música em seus múltiplos estilos, oferecendo ao público uma programação que celebra grupos e bandas regionais, além de valorizar a cultura de uma região com um grande potencial turístico de Goiás. Para a edição 2015, foram selecionados 21 artistas escolhidos por uma curadoria da Secretaria da Educação, Cultura e Esporte (Seduce). E tem de tudo: do rock ao pop, do samba ao chorinho, do jazz ao blues.

Na abertura, a cantora Sabah Moraes promove um energético show que celebra música, teatro, dança, cinema e literatura. De forma híbrida, a artista interpreta cada música criando um verdadeiro personagem, com trejeitos e distintas cores em sua voz. Junto com Sabah, a Orquestra Sinfônica Jovem de Goiás também realiza uma apresentação especial com grandes clássicos da música brasileira. De acordo com o maestro Andreyw Batista, a proposta é de que o show envolva cultura, música e artes. “O repertório é bastante abrangente e buscamos a interação com o público, principalmente quando se trata de um festival de música”, reitera.

Fundada em 2001, a Orquestra Sinfônica Jovem de Goiás oferece às crianças, adolescentes e jovens o contato com o universo da música sinfônica. O trabalho abrange alunos iniciantes até o nível que possibilita seu ingresso em grupos profissionais. Composta por alunos do Instituto Tecnológico de Goiás Basileu França, a orquestra é dividida em cinco grupos, totalizando cerca de 200 membros.

Cantos e encantos

A programação do Canto da Primavera 2015 vai até o domingo, dia 13, com shows intercalados entre o Teatro Sebastião Pompeu de Pina, Cine Teatro Pireneus e seu entroncamento. Durante a semana, apresentações musicais gratuitas, passeios turísticos e roteiros gastronômicos fazem do cotidiano de Pirenópolis.

Quase cancelado

No dia 10 do mês passado, o governo do Estado havia anunciado o cancelamento dos festivais Canto da Primavera, em Pirenópolis, e Mostra Nacional de Teatro de Porangatu (TeNpo), dois dos eventos culturais mais importantes de Goiás.

Em declaração assinada pelo governador Marconi Perillo e pelas secretárias da Fazenda, Ana Carla Abrão, e da Seduce, Raquel Teixeira, a justificativa apresentada foi a de que a “decisão decorre das dificuldades econômico-financeiras do País e do Programa de Reestruturação e Ajuste Fiscal do Estado”. No entanto, nesta segunda (23), a Seduce informou que o Canto 2015 iria acontecer, em nova data e com novo formato.

Segundo Raquel, a retomada da 17ª edição do Canto, anunciada no dia 24 do mês passado, vai ocorrer devido a um grupo de músicos que convidou a secretária para uma reunião e apresentou um novo projeto que permitiria sua realização a um valor mais viável, mantendo a seleção de artistas que já havia sido anunciada. Nenhum dos envolvidos é um dos músicos escolhidos pela curadoria do evento. “Foi uma atitude generosa deles por amor à música e à cultura”, enfatizou Raquel.

Pela proposta, não haverá shows nacionais com cachês elevados, gastos com passagens, hospedagens e nem mesmo com palcos, já que as apresentações serão realizados em teatros e outros espaços cobertos de Pirenópolis. Dos R$ 1,5 milhão que seriam gastos com o evento, apenas R$ 500 mil serão efetivamente utilizados com a reformulação.