Ousadia

Câmeras flagram momento em que moto é furtada em frente a loja de autopeças, em Goiânia

Imagens mostram homem conversando ao telefone e, ao desligá-lo, sai com o veículo. Proprietário conta que chegara do médico minutos antes do crime


Joao Paulo Alexandre
Do Mais Goiás | Em: 05/02/2019 às 16:14:32

Moto roubada na tarde desta segunda-feira (4), em Goiânia (Foto: Divulgação/ Arquivo Pessoal)
Moto roubada na tarde desta segunda-feira (4), em Goiânia (Foto: Divulgação/ Arquivo Pessoal)

Câmeras de segurança flagraram o exato momento em que uma moto foi furtada na tarde desta segunda-feira (04) em frente a uma loja de autopeças na Avenida Anhanguera, Setor Aeroviário, em Goiânia. O caso está sendo investigado pela Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos de Veículos (DERFRVA).

O proprietário da moto, que preferiu não se identificar, contou ao Mais Goiás que O furto aconteceu por volta das 14h50 da tarde, mas que só sentiu falta do veículo por volta das 18 horas, horário que saía do serviço. Ele ainda contou que, minutos antes do crime, ele acabara de chegar do médico.

“Eu voltei, estacionei a moto no mesmo local em que ela estava estacionada no período da manhã e entrei para trabalhar. É complicado ter um bem retirado dessa forma, principalmente após tanta luta para conseguir”, conta.

A moto é uma Honda 150, de cor cinza. As imagens do circuito de monitoramento mostram que um homem, de camisa cinza e bermuda clara, conversa ao telefone e para próximo da moto. Ele porta um capacete no braço esquerdo, aproxima da moto e percebe que o veículo estava trancado.

Posteriormente, ele introduz algo que parece ser uma chave na moto e confere que foi destrancada. O homem volta a falar ao telefone e, ao desligá-lo, sobe na moto e sai com o veículo. “Suspeito que ele deva ter usado uma chave universal para ligá-la, pois ele não teve tempo de fazer uma ligação direta ou algo do tipo. Conversei com alguns amigos que trabalham com motos e eles me contaram que existe um dispositivo desses que facilita essa modalidade criminosa”, destaca.

O delegado a frente ao caso, Cleybio Januário, contou que não poderia passar mais detalhes para não atrapalhar as investigações, mas afirmou que aguardava as imagens do circuito para ajudar a identificar o criminoso.

Imagens da câmera de segurança mostram o momento do furto