POSTURA

Caiado volta a dizer que tem posição “divergente” de Bolsonaro sobre isolamento social

"Único resultado que realmente comprova algo de positivo para a população é o isolamento”, completou o gestor


Francisco Costa
Do Mais Goiás | Em: 11/05/2020 às 17:14:51

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

“Em relação ao combate ao coronavírus, minha posição é totalmente divergente da posição do presidente”, disse o governador Ronaldo Caiado (DEM) em entrevista a GloboNews, na tarde desta segunda-feira (11). Ele respondia a uma pergunta sobre a postura de Bolsonaro, que está fazendo campanha contra o isolamento social.

Já enfrentei mobilizações [por divergir do presidente]”, lembrou o governador.

Caiado diz que optou por seguir todas as regras e recomendações da Organização Mundial de Saúde (OMS). “E o único resultado que realmente comprova algo de positivo para a população é o isolamento.”

Rompimento

No dia 25 de março, o governador Caiado, aliado de longa data de Bolsonaro, rompeu com o presidente. A medida foi tomada após pronunciamento do presidente em que atacava os governadores e relativizava a gravidade do coronavírus. “Como médico e governador não posso concordar com um presidente não tem consideração com seus aliados”, afirmou o gestor, à época.

Bolsonaro e Caiado se reencontram pela primeira vez, após o rompimento, em 11 de abril. Na ocasião, o governador evitou falar sobre o relacionamento com o presidente. O momento foi de fiscalizar as obras do primeiro hospital de campanha em combate ao coronavírus, que está sendo construindo em Águas Lindas de Goiás.

Perguntado se havia incoerência na postura do presidente em visitar comércio e provocar aglomerações, ele declarou que respondia pelos atos dele. “Você me viu indo a algum local? Eu respondo como médico e governador. A situação do presidente cabe a ele. A mim cabe as medidas que tomei as pratico. Não estou na posição de juiz, estou na posição de governante que tem que dar o bom exemplo no cumprimento das medidas”, ressaltou.