Do Mais Goiás

Caiado quer convidar Bolsonaro para inauguração do HCamp de Águas Lindas

Unidade deve começar a funcionar já a partir desta quarta-feira (3)

Distantes, Bolsonaro e Mandetta visitam Hospital de Campanha em Águas Lindas
Distantes, Bolsonaro e Mandetta visitam Hospital de Campanha em Águas Lindas

O Hospital de Campanha (HCamp) de Águas Lindas de Goiás deve começar a funcionar nesta quarta-feira (3). Segundo a administração estadual, o local terá condições de começar a operar e atender pacientes da Covid-19 da Região do Entorno do Distrito Federal (DF). A unidade foi montada pelo governo federal e entregue ao Governo de Goiás. Caiado disse nesta segunda-feira (2), que pretende convidar o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, e o presidente Jair Bolsonaro para participarem da inauguração.

Segundo o governo, antes mesmo que seja definida uma data para o evento, a unidade já irá receber pacientes vítimas do novo coronavírus. O Hospital de Campanha de Águas Lindas foi iniciado no dia 7 de abril como promessa de servir como modelo para outras unidades do tipo pelo país.

Nas últimas semanas, Caiado reclamou que a promessa pelos 40 leitos de UTI não está sendo mantida, principalmente em relação a disponibilização de equipamentos, como os ventiladores mecânicos. A estimativa é de que o local teria 160 leitos de enfermaria e 40 de Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

Em 25 de março, o governador havia rompido politicamente com o presidente Bolsonaro. Caiado havia dito que conversaria com o presidente somente por comunicados oficiais. No entanto, após o fato, o presidente se encontrou com Caiado em Águas Lindas no dia 11 de abril, em meio à crise no Ministério da Saúde. O tom de críticas também diminuiu.