Cidades

Caiado nomeia Aylton Flávio Vechi como procurador-geral do MPGO

Novo chefe do órgão foi o terceiro mais votado nas eleições e ocupará o lugar de Benedito Torres, que havia recebido mais de 70% dos votos no pleito


Thais Lobo

Do Mais Goiás | Em: 19/02/2019 às 11:19:23


Foto: MPGO/Divulgação
Foto: MPGO/Divulgação

Contrariando a tradição de escolher o mais votado nas eleições para procurador-geral do Ministério Público de Goiás (MP-GO), o governador Ronaldo Caiado (DEM) anunciou, na manhã desta terça-feira (19), o nome do procurador Aylton Flávio Vechi para o cargo. Ele vai chefiar o órgão no biênio 2019-2021.

Aylton Flávio Vechi ficou em terceiro lugar nas eleições do MP, com 142 votos . No pleito,  realizado no  último dia 8,  o vencedor foi o atual procurador-geral, Benedito Torres, irmão do ex-senador Demóstenes Torres (sem partido atualmente). Ele recebeu 266 votos, o que representa 70,3% do total. Em segundo lugar ficou o procurador Carlos Alberto Fonseca, com 212 votos

Após as eleições no MPGO, Caiado recebeu a lista com os nomes dos três mais votados e poderia escolher um deles para ser o novo procurador-geral da Justiça em Goiás. Em publicação nas redes sociais, o governador disse que “o momento exige de nós, homens públicos a serviço do povo, empenho e ação integrada em favor do bem coletivo.”

Segundo nota do MP-GO, o atual procurador-geral Benedito Torres enviou na manhã desta terça-feira (19) cumprimentos a Aylton Flávio Vechi, desejando sucesso e êxito na administração que se inicia. A posse do novo chefe do órgão será realizada em março.