Do Mais Goiás

‘Bum Bum Tam Tam’: funk de MC Fioti vira hino da Coronavac; entenda

Canção foi lembrada pelos internautas para exaltar o Instituto Butantan e o SUS após dados de eficácia do imunizante

'Bum Bum Tan Tan': funk de MC Fioti vira hino da Coronavac; entenda
'Bum Bum Tan Tan': funk de MC Fioti vira hino da Coronavac; entenda

Vai com Bum Bum Tam Tam. Essa frase ganhou as redes sociais na última quinta-feira (7). Isso porque o funk do Mc Fioti se tornou um hino após o Instituto Butatan divulgar a eficácia da CoronaVac, vacina contra o novo coronavírus produzida pelo laboratório brasileiro com a empresa chinesa Sinovac.

A música foi utilizada pela web para exaltar o instituto. Trecho da canção foi exposto em um prédio onde também cita do Sistema Único de Saúde (SUS) se espalharam.

 

 

Bum Bum Tam Tam é canção nacional mais ouvida do Youtube, alcançando a marca de 1,5 bilhão de visualizações. MC Fioti também compartilhou os memes nas redes sociais e até chegou criar uma nova versão da música para a vacina.

A vacina envolvente que mexe com a mente, de quem tá presente. A vacina saliente, vai curar muita vida e salvar muita gente. Vem cá vacina, tam. Vem cá vacina tam tam tam.

Eficácia da CoronaVac e do Butantan

O Instituto Butantan divulgou, na última quinta-feira (7), que a vacina CoronaVac teve 78% de eficácia nos casos leves e até 100% nos casos moderados e graves. O órgão estadual patrocinou o estudo da fase 3, a final, da vacina criada pelo laboratório chinês.

Desde 20 de julho, 13 mil profissionais de saúde voluntários em oito estados brasileiros, receberam duas doses do imunizante, com intervalo de 14 dias entre elas. Destes, cerca de 220 foram infectados pelo Sars-CoV-2.

O ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, afirmou, ainda na quinta-feira (7), que a pasta assinou um contrato para a compra de 100 milhões de doses da Coronavac. Segundo disse, o contrato prevê que as primeiras 46 milhões de doses serão entregues até abril, e o restante (54 milhões) será repassado pelo instituto paulista ao governo federal no decorrer do ano.

No mesmo dia, o Instituto Butantan pediu oficialmente à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) autorização para uso emergencial no Brasil. Este é o primeiro pedido de autorização para que uma vacina possa ser aplicada no país. Agora, a Anvisa terá dez dias para analisar os dados.

Ouça, Bum Bum Tam Tam, o funk original de MC Fioti