Coronavírus

Britney Spears pede redistribuição de renda em meio à pandemia do coronavírus

Pop star foi chamada de comunista, lendária e camarada em suas redes sociais


Tainá Borela
Do Mais Goiás | Em: 27/03/2020 às 17:40:38

(Foto: Reprodução/Instagram)
(Foto: Reprodução/Instagram)

A pop star adolescente mais famosa do mundo dos anos 90 e 2000, a norte-americana Britney Spears, quebrou a internet nesta semana, ao postar uma mensagem no seu Instagram em que pede, em tempos de quarentena, união virtual entre as pessoas, distribuição de renda e convocação de greve.

Mesmo reclusa há alguns anos dos palcos e sem novos sucessos nas plataformas de streaming, poucas celebridades tem tanta força na internet como Britney. Suas postagens tem grande repercussão e ainda consegue a atenção do mundo.

A mensagem que o ícone pop postou em sua rede é de uma escritora chinesa e comunista chamada Mimi Zhu, que vive em Nova York. E diz: “Durante esse período de isolamento, precisamos de conexão mais do que nunca. Ligue para pessoas amadas e escrevam cartas de amor virtuais. […] Nós vamos alimentar uns aos outros, redistribuir riquezas e fazer greves. A comunhão se move para além dos muros. Nós ainda podemos ficar juntos.”

Zhu disse, em entrevista a veículos americanos, que ficou estérica quando descobriu que teve sua mensagem postada por Spears, que foi uma figura importante na sua infância. Britney foi chamada de comunista, marxista e camarada nos comentários do Instagram. Mais uma vez, Britney foi lendária para sua geração.

*Tainá Borela é colunista do Blog Poder em Jogo, especialmente cedida para o Entretê