Do Mais Goiás

Botafogo-SP promete manter estratégia para surpreender na decisão da Copinha

Nas fases de mata-mata, o Botafogo deixou para trás o xará carioca, Fluminense, Grêmio e Palmeiras.

Falta apenas mais um degrau para o Botafogo-SP fazer história na Copa São Paulo de Futebol Júnior. Em busca de seu primeiro título do torneio, o time de Ribeirão Preto promete manter a mesma estratégia dos jogos anteriores para tentar surpreender o Corinthians, neste domingo, às 10h50.

Nas fases de mata-mata, o Botafogo deixou para trás o xará carioca, Fluminense, Grêmio e Palmeiras. O segredo para superar tantos gigantes do futebol brasileiro? “Determinação e futebol coletivo. Nosso conjunto tem funcionado muito bem e quando isso acontece o individual aparece”, respondeu o técnico Rodrigo Fonseca.

Maior beneficiado por este bom futebol coletivo é o atacante Isaac Prado, artilheiro da Copinha com oito gols. A visibilidade proporcionada pelo torneio chamou a atenção do empresário uruguaio Juan Figer, que passará a administrar a carreira do jogador de 19 anos e pretende levá-lo a algum clube da elite nacional. O principal candidato é o Atlético-PR.

Rodrigo Fonseca, contudo, evita falar sobre um jogador. Para ele o ponto forte do time é toda a engrenagem, o futebol homogêneo. Isso é o que o Corinthians encontrará pela frente. “Vamos manter o mesmo estilo de jogo, com marcação forte, diminuição dos espaços, ocupação no campo de ataque. Temos que manter a mesma pegada”, reforçou o técnico.

Depois da vitória sobre o Palmeiras, por 2 a 1, nesta quinta-feira, o elenco do Botafogo voltou ao regime de concentração, em um hotel de São Paulo. O grupo seguirá hospedado na capital até a final no domingo.

Neste sábado pela manhã, o time fará o último treino antes da final, no Centro de Treinamento do Palmeiras, em Guarulhos. Para a partida, Fonseca não poderá contar com o meia e capitão Lineker, suspenso por expulsão. Por outro lado, o zagueiro João Neto volta de suspensão.