ELEIÇÕES

Vice-prefeito eleito em Goianésia tem candidatura validada por Justiça Eleitoral

João Pedro Almeida teve candidatura questionada pela Coligação adversário por ingressar na chapa do candidato Leonardo Menezes poucos dias antes do pleito eleitoral


Tainá Borela
Do Mais Goiás | Em: 05/12/2020 às 16:22:50

Vice-prefeito eleito em Goianésia, João Pedro Almeida (DEM), conhecido como Almeidinha (Foto: Divulgação)
Vice-prefeito eleito em Goianésia, João Pedro Almeida (DEM), conhecido como Almeidinha (Foto: Divulgação)

A Juíza da 74 Zona Eleitoral, Lorena Cristina Aragão, defiriu, no início da noite desta sexta-feira (4), a candidatura do vice-prefeito eleito em Goianésia, João Pedro Almeida (DEM), conhecido por Almeidinha na cidade. A decisão conferiu a legitimidade dos votos da chapa vencedora na cidade, composta pelo prefeito eleito Leonardo Menezes (DEM), Leozão, e por João Pedro.

O democrata teve a candidatura questionada na Justiça por uma Ação de Impugnação proposta pela Coligação Unidos Por Goianésia do candidato Pedro Gonçalves (MDB), que alegou a questão temporal de substituição do candidato a vice na chapa adversária. Clique aqui para ler a decisão na íntegra.

Almeida foi escolhido o candidato a vice pela Coligação O Crescimento Continua no dia 9 de novembro após o impedimento da candidatura de Aparecido Costa (PTB) como vice-prefeito — em razão de um contrato de prestação de serviços de consultoria jurídica ativo junto a Câmara Municipal de Goianésia em vigência até dezembro deste ano.

Na decisão, a Justiça Eleitoral julgou como improcedente a ação de Impugnação propostas pela Coligação encabeçada pelo MDB e concluiu que o de registro de candidatura de Almeidinha atendeu ao requisito de legitimidade.

Tópicos

    Publicidade