Poder em Jogo
Do Mais Goiás

Senado estuda retomar sessões presenciais em junho

Presidente da Casa, Davi Alcolumbre, disse que decisão final dependerá da evolução do coronavírus no país

Com as sessões presenciais suspensas desde o final de março, o Senado estuda retomá-las em junho. Foi o que afirmou o presidente da Casa, Davi Alcolumbre (DEM) durante a sessão desta segunda-feira (27). Ele avaliou que a sessão remota tem cumprido seu papel, mas os trabalhos precisam voltar ao plenário da Casa. “Não depende só de mim. Tenho a intenção. Vai depender da crise de saúde pública e sanitária”, ponderou.

O sistema das sessões remotas do Senado foi inédito e serviu de modelo a outros países do mundo. Mesmo assim, a intenção do presidente é promover o retorno das reuniões presenciais das Comissões da Casa, que é a reivindicação dos senadores. A senadora Simone Tebet (MDB-RJ) respondeu ao presidente que se os trabalhadores da limpeza, da saúde estão dando sua contribuição, os senadores tem a obrigação de voltar a trabalhar presencialmente.

Alcolumbre disse que a avaliação sobre o retorno será feita a partir do dia 15 de maio, após análise da Casa e do governo federal sobre a evolução da epidemia no país.