“PSDB não tem restrição a qualquer aliança na eleição de 2020”, afirma Talles Barreto

Para se fortalecer, alianças com DEM e MDB estão liberadas onde for necessário


Tainá Borela
Do Mais Goiás | Em: 17/03/2020 às 16:33:20

Talles Barreto afirma que PL foi removido das pautas para dar lugar a projetos polêmicos (Foto: Maikon Cardoso)
Talles Barreto afirma que PL foi removido das pautas para dar lugar a projetos polêmicos (Foto: Maikon Cardoso)

Tentando se fortalecer desde as últimas eleições, em 2018, o PSDB em Goiás adotou uma estratégia para o pleito deste ano – fazer alianças com qualquer partido no âmbito municipal que garanta uma chapa vitoriosa. Alianças com partidos adversários como o DEM do governador Ronaldo Caiado e o MDB estão liberadas onde for necessário para que o PSDB ganhe.

Em conversa com o Blog Poder Em Jogo, o deputado estadual e pré-candidato em Goiânia, Talles Barreto, afirmou que o PSDB não terá restrição a nenhuma legenda na hora de compor as coligações municipais, principalmente em cidades importantes para o partido.

O plano é fazer as melhores alianças, eleger um bom número de prefeitos , vice-prefeitos e vereadores para chegar em 2022 com mais força. Segundo informações de bastidores, as orientações partem do ex-governador Marconi Perillo.

A direção estadual afirma que está dando autonomia aos diretórios para que realizem as coligações de acordo com a realidade de cada município. O presidente da sigla e prefeito de Trindade, Jânio Darrot, disse ao Mais Goiás que vai respeitar as decisões dos líderes municipais. “A orientação do PSDB Goiás é para que cada diretório tenha autonomia em relação à realidade de cada cidade. Se os líderes locais entenderem ser necessária a coligação com quaisquer partidos, nós iremos respeitar.”

Tópicos

    Publicidade