Coronel Adaílton ameaça “rachar PP em Anápolis”

Sem espaço no partido para ser candidato à prefeitura de Anápolis, deputado negocia expulsão para não perder mandato


Tainá Borela
Do Mais Goiás | Em: 28/02/2020 às 14:48:34


Sem apoio do PP para ser o candidato à prefeitura de Anápolis, o deputado estadual Coronel Adaílton está negociando sua expulsão do partido para seguir com seu desejo de ir para a disputa em Anápolis. Se for expulso, Adaílton assegura seu mandato na Assembleia Legislativa.

O PP tem pré-candidato confirmado pelo diretório estadual o atual prefeito Roberto Naves, que já está em pré-campanha e em busca de aliança para sua chapa. O presidente do PP em Goiás, Alexandre Baldy, fez um acordo com Naves de bancar a reeleição quando o prefeito se filiou a legenda.

Mas Adaílton avalia que tem chances reais de ser eleito e que, se não conseguir sair do PP para se candidatar, ele vai “rachar o partido” na cidade. Para tentar convencer Baldy, Adaílton se encontrou na última semana com o deputado federal do PP e braço direito do presidente, Adriano do Baldy.

De acordo com fontes do partido, Baldy não está disposto a ceder às pressões do deputado.

Tópicos

    Publicidade