ELEIÇÕES MUNICIPAIS

17 deputados estaduais são pré-candidatos a prefeito nessas eleições

A escolha definitiva dos nomes será nas convenções, que neste ano ocorrerá de 31 de agosto a 16 de setembro


Tainá Borela
Do Mais Goiás | Em: 01/08/2020 às 14:35:16

As eleições municipais podem mexer com o atual quadro de parlamentares da Assembleia Legislativa de Goiás. 7 deputados são pré-candidatos em Goiânia. (Foto: reprodução)
As eleições municipais podem mexer com o atual quadro de parlamentares da Assembleia Legislativa de Goiás. 7 deputados são pré-candidatos em Goiânia. (Foto: reprodução)

As eleições municipais deste ano podem mexer com o atual quadro de parlamentares da Assembleia Legislativa de Goiás (Alego). Em Goiânia, existem, até o momento, 12 pré-candidatos a prefeito, dos quais sete são deputados estaduais. Podem entrar na disputa pela Prefeitura: a deputada Delegada Adriana Accorsi (PT) e os deputado Delegado Eduardo Prado (DC), Major Araújo (PSL), Talles Barreto (PSDB), Virmondes Cruvinel (Cidadania), Alysson Lima (Solidariedade), Rafael Gouveia (PP), além de Bruno Peixoto (MDB), citado como pré-candidato a vice-prefeito de Iris Rezende, caso o prefeito decida ir à reeleição.

Entre os atuais parlamentares são pretensos candidatos nas cidades do interior: Cairo Salim (Pros), Aparecida de Goiânia; Gustavo Sebba (PSDB), Catalão; Julio Pina (PRTB), Senador Canedo; Lêda Borges (PSDB), Valparaíso; Dr. Antonio (DEM), Trindade; Delegado Humberto Teófilo, Inhumas; Álvaro Guimarães (DEM), Itumbiara; e Amauri Ribeiro (Patriotas), Caldas Novas. Já os deputados, Diego Sorgatto (DEM) e Wilde Cambão (PSD) são prováveis postulantes à prefeitura de Luziânia.

Porém, as candidaturas só serão confirmadas após as convenções partidárias que, neste ano, devido à pandemia do coronavírus, serão realizadas no período de 31 de agosto a 16 de setembro.


Publicidade