Eleições

Waldir tem chance de se mostrar líder

Família de jovem morto em acidente de trânsito envolvendo vereador do PR gera momento de constangimento na festa partidária de Waldir Soares


mgadmin
Do Mais Goiás | Em: 03/08/2016 às 22:03:54


A festa foi programada. A festa foi feita. Waldir Soares, delegado de carreira e deputado federal mais votado da história de Goiás, consolidou a sua condição de candidato a prefeito de Goiânia em convenção, realizado pelo PR nesta quarta-feira, dia 3.

As convenções são programadas como festas partidárias, para muito discurso e pouca discussão. No entanto, a família do jovem Bruno Henrique, morto quando a sua moto colidiu com um carro da prefeitura de Goiânia há cerca de um mês mudou o roteiro. Tudo porque o vereador e candidato a reeleição, Paulo Borges, é personagem nas duas histórias. Ele estava no carro oficial, que fez uma conversão proibida e provocou o acidente que matou Bruno. Ele estava presente na convenção para consolidar sua candidatura à reeleição.

Foi um momento constrangedor, que saiu do roteiro normal. Waldir recebeu documentos da família, consolou a mãe do filho ausente, enquanto Paulo saiu do recinto até a confusão passar. E a confusão passou. Paulo voltou. E a festa de Waldir seguiu o seu rumo.

Waldir pode aproveitar o momento para se mostrar líder. É triste ver os políticos culparem o povo por eleger mal os seus representantes. Paulo Borges está na vida pública há mais de duas décadas. Duas décadas de muito azar. Por onde passa, deixa problemas. Chegou até a ser preso, flagrado negociando a liberação de alvarás da Amma. Responde a processos por alguns episódios da sua vida publica.

Em relação ao caso do jovem Bruno, que tinha apenas 20 anos, pesa sobre ele duas suspeitas, graves para quem se apresenta como representante do povo: omissão de socorro e uso de veículo oficial fora do horário de expediente.

O normal, como candidato e companheiro de partido, é Waldir dizer que vai esperar o julgamento dos homens. Algo pra daqui a dez anos, com um pouco de sorte. Se quiser ser diferente, Waldir pode recusar a companhia do colega na chapa. É o tipo de parceiro que tem um potencial enorme de tirar votos. E é o tipo de situação que constrange. A Waldir. A qualquer um. O líder das pesquisas tem a chance de se mostrar diferente.


Publicidade