Eleições 2020

Pré-candidato a Prefeitura de Anápolis, ex-prefeito João Gomes vai deixar o PSDB

Pronto para acompanhar Vanderlan Cardoso ao PSD, ele alega que Jânio Darrot enfraqueceu o partido na cidade


Tainá Borela
Do Mais Goiás | Em: 21/02/2020 às 18:08:38

José Gomes e Marconi Perillo (Foto: Divulgação)
José Gomes e Marconi Perillo (Foto: Divulgação)

Amigo pessoal do ex-governador Marconi Perillo (PSDB), o ex-prefeito de Anápolis, João Gomes, vai se filiar ao PSD. Ao Blog Poder em Jogo, o tucano disse que está insatisfeito com a forma que o presidente estadual do PSDB, o prefeito de Trindade, Jânio Darrot, tem conduzido as coisas em Anápolis, e esse seria o motivo principal para deixar o partido. “Jânio têm feito mudanças na cidade que enfraqueceram muito a legenda”, argumentou.

Questionado se já havia informado sua decisão de deixar o PSDB a Marconi, João contou que conversou com o ex-governador e que ele respeita suas decisões. “Marconi gostaria que eu fosse para a campanha pelo PSDB, mas ele respeita minha decisão. E ainda teremos uma conversa final.”

João disse que tem boas relações com o senador Vanderlan Cardoso (Progressista), que está prestes a se filiar ao PSD em Goiás. Inclusive, esta seria uma das razões pela escolha da legenda. “Fui convidado também pelo presidente local, o empresário Francisco Pontes, que também é meu amigo,” revelou. João Gomes disse, também, ao Mais Goiás que Vanderlan e Marconi possuem uma relação de amizade, o que facilitaria seu ingresso na nova escolha partidária do senador.


Publicidade