M9
Maraisa Lima
Do Mais Goiás

Redes sociais: seis formas de melhorar a comunicação profissional

Na era da desinformação e de fake news, fortalecer a confiança é uma das estratégias mais recomendadas

Vivemos mais do que nunca, em 2021, a era da hiperconectividade, e ao mesmo tempo da desconfiança na internet. Ser e parecer confiável nas redes sociais digitais é um caminho para construir uma carreira de destaque. Esse é um dos assuntos que trato no meu livro que será lançado no primeiro bimestre deste ano, com o título “Comunicação Pós-Pandemia“.

Ouço muito a seguinte frase, que virou uma máxima, como muitas citações na internet, que as pessoas replicam sem saber a origem: “você é o que você compartilha”. Na verdade, trata-se do título de um livro, lançado em 2012, pelo estudioso de Inovação e Economia Digital, Gil Giardelli.

Para o autor, a imagem percebida pela pessoas é o resultado da maneira como o profissional se comporta nas mídias digitais:

“Quando você dá sua opinião, curte, divulga, comenta, segue, lê, escreve, redireciona, divide, fala sobre e faz mais gente saber sobre algo, usando os recursos digitais, já está compartilhando. Sua existência digital, sua reputação, é medida pelo que você compartilha, pelo quanto influencia os outros e pelo modo como faz a diferença no mundo.”

 Apagão de confiança

Presenciamos hoje um apagão de confiança, que tende a aumentar à medida que as pessoas se tornam alheias aos impactos de “ações inocentes” como compartilhar uma informação sem ler o conteúdo, sem verificar ou cruzar fontes, sem duvidar de títulos sensacionalistas, sem contestar textos com erros de português, informações vagas e com um chamado claro ao compartilhamento indiscriminado.

Por isso, o profissional que deseja criar uma reputação sólida por meio das mídias sociais precisará ter muito cuidado para não integrar a engrenagem da desinformação, que, de um modo geral, é a prática de compartilhar notícias fora do contexto, com alguma manipulação ou distorção, textos ou vídeos com informações falsas (vulgarmente conhecidas como fake news) muitas vezes com intuito de difundir uma ideologia.

Construção da marca pessoal

Para começo de conversa, não recomendo no uso profissional das mídias sociais a associação da marca profissional com temas controversos e polêmicos. Cada um possui suas convicções e crenças, porém o espaço das mídias próprias, para fins de carreira, deve fomentar o relacionamento e a geração de uma audiência qualificada, que oferece oportunidades profissionais.

Além disso, o espaço é muito útil para aumentar a consciência da sua própria rede em relação ao seu trabalho. Ajuda amigos e parentes a indicarem seus serviços quando surgir uma demanda, por exemplo.

A partir daí podemos perceber o quanto é estratégico o profissional pensar em si mesmo como uma marca forte, que possui uma mídia de alto potencial. Mas como se tornar um profissional de confiança e com boa credibilidade usando as redes sociais?

Importância da transparência

A base de se posicionar na internet é construída por meio de valores primordiais como a honestidade e transparência. O profissional precisa primeiro dizer a verdade, não inventar um “case imaginário” de sua carreira, nem romantizar e superestimar suas qualidades. É preciso lembrar que a rapidez com que uma informação circula na rede exige transparência e cuidado com o que publicamos sobre nosso histórico de realizações.

Além disso, é muito recomendado pensar em narrativas sobre a sua marca, cujo tom de voz seja pessoal. Para humanizar a comunicação, deve transmitir uma mensagem confiável, que mostre sua autoridade (ou a intenção de construir uma) e reflita o mundo real, a partir de seus desafios, vulnerabilidades, contexto de mercado. E o mais importante é demonstrar empatia com a sua rede. Sempre que possível contribua com as pessoas, sobretudo, por meio do conhecimento que você adquire ou que possui.

Melhore sua comunicação com essas dicas

Resumi em tópicos algumas recomendações para que você possa ter um uso mais estratégico de suas mídias sociais on-line para fomentar sua carreira por meio da comunicação profissional:

01 – Imprima a sua marca pessoal

Use suas redes sociais para falar de seus atributos como valores pessoais, propósito, em que causas acredita, e como isso impacta as pessoas ao seu redor. Em vez de um discurso vazio, demonstre na prática como isso se aplica à sua realidade.

02 – Crie uma plataforma de construção da sua marca profissional

Use um blog, redes sociais, como o LinkedIn e Instagram, plataformas como Youtube, para gerar relacionamento com o seu nicho de interesse. Isso ajudará a posicioná-lo como um profissional que entrega soluções dentro da área a que se propõe.

03 – Pense em estratégia, não só em tática

Um erro muito comum de quem usa suas redes sociais para ganhar autoridade é o “sair fazendo”, sem primeiro entender por que fazer. O planejamento é fundamental para ajudar a construir um posicionamento profissional, em que o problema atual ou a finalidade da estratégia são um ponto de partida.

04 – Enxergue as oportunidades e escute pessoas

Nesse planejamento você deve pesquisar outros profissionais, escutar pessoas mais experientes e até mesmo interessadas no seu ramo de atuação. Tudo isso pode ser um bom indicativo de que está indo no caminho certo. Pensar a respeito de quais oportunidades o mercado oferece é também uma boa alternativa.

05 – Lembre-se de se relacionar com a sua audiência

Conteúdo útil e relevante hoje é uma das principais formas de gerar relacionamento e construir uma lembrança de marca na cabeça das pessoas. Considere o fato de que conteúdos engraçados, divertidos, informativos, que promovem causas ou explorem um nicho profissional são bem interessantes para atrair pessoas interessadas em você, e, consequentemente, no seu produto ou serviço.

06 – Diversifique seu conteúdo

Pense em tipos de conteúdo para explorar em sua plataforma de construção de marca, seja ela rede social, site, blog, canal do Youtube. Aqui vale pensar em textos, vídeos, cards para redes sociais, podcasts, infográficos, e-books, enquetes, tutoriais, lives, webnários, aulas gratuitas, mentorias individuais e coletivas etc.

Resumindo

Devo dizer que a construção da carreira, por meio da credibilidade e da confiança, exige um passo de cada vez. Não adianta parecer aquilo que você não é nas redes sociais. Então, tenha coragem e esforce-se para ser um profissional que realmente cumpre o que promete e seja íntegro consigo mesmo e com as pessoas ao seu redor.