Assessoria de imprensa

20 dicas de assessoria de imprensa para emplacar pautas em televisão

Jordevá Rosa, apresentador do Jornal do Meio Dia, participou de uma live em que compartilhou experiências de 30 anos de jornalismo


Maraisa Lima
Do Mais Goiás | Em: 27/04/2020 às 11:35:48

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

A atividade de Assessoria de Imprensa (ou de comunicação) tem o papel de promover uma aproximação estratégica entre o assessorado, na maioria das vezes companhias privadas ou órgãos públicos, e os veículos de comunicação com o objetivo de obter mídia espontânea.

Em outras palavras, esse profissional, entre outras atividades, trabalha para que a marca, produto ou serviços do seu cliente apareça de forma gratuita na mídia como matéria jornalística, o que gera ainda maior credibilidade.

Mas isso somente acontece se essas informações tiverem valor noticioso e forem de interesse público.

Papel do assessor

O assessor de imprensa tem que ter muita perspicácia e “faro jornalístico” para enviar apenas informações que realmente cumpram os padrões editoriais e despertem o interesse dos veículos de comunicação.

O modo mais adequado para sugerir um assunto como sugestão de pauta à imprensa é a elaboração e o envio de release (texto com estrutura de uma matéria jornalística).

Além de um release bem escrito, o bom relacionamento entre o assessor de imprensa e o jornalista é essencial. Nos dias 25 e 26 de abril, Eu, Maraísa Lima, e o jornalista Luiz Augusto Araujo, ministramos a disciplina “Produção de Conteúdo Editorial” para uma turma de MBA em Assessoria de Imprensa na Comunicação Digital.

No encerramento, tivermos uma participação do Jornalista e editor-chefe do Jornal do Meio Dia, da TV Serra Dourada, Jordevá Rosa. Em sua palestra, ele abordou o dia a dia de uma redação de telejornal, explicou os processos da notícia e deu diversas dicas para o bom relacionamento entre assessores de imprensa (ou comunicação) e jornalistas de redação.

Separamos as 20 principais dicas de assessoria de imprensa para emplacar pautas em televisão. Confira!

  1. Invista no seu crescimento

Acredite na educação como base para o seu desenvolvimento. A partir do conhecimento, você pode transformar sua vida.

  1. Encare desafios e esteja pronto

Esteja sempre disposto e pronto para os desafios, faça parte dos projetos de onde você trabalha e se interesse pelas oportunidades.

Invista na informação que muitas vezes os outros não gostam, ou não querem trabalhar. Ocupe os espaços disponíveis. Mostre para as pessoas que você dá conta de fazer. Então, na primeira chance, você pode ser selecionado. Esteja pronto pra hora que a empresa em que você trabalha precisar.

  1. Esteja sempre bem informado

Domine o assunto a respeito do seu assessorado, do nicho dele. Conheça os formatos que você pode oferecer seu cliente.

  1. Seja atencioso (a) e ouça as pessoas

Ao ouvir as pessoas você entenderá que elas sempre têm algo interessante para contar. (Exemplo: Um dos maiores furos da carreira de jornalista do Jordevá foi o caso mundialmente conhecido das primeiras gêmeas siamesas goianas, que um pessoa no rua contou pra ele).

  1. Tenha informações sobre a imprensa

Conheça o veículo (o que ele pensa, quem são os profissionais), faça o meio de campo antes de “vender a matéria”.

Na TV Serra Dourada, a prioridade é cobrir o factual (pautas relevantes do dia a dia), mas existem muitos quadros específicos que possibilitam emplacar uma diversidade de pautas. Saiba quais são essas possibilidades.

  1. Entenda os horários de cada veículo

Conheça os horários de funcionamento da redação, horários de reuniões, do fechamento de jornal e quais são as janelas em que você pode ligar ou até mesmo visitar os jornalistas. [Exemplo: horários bons pela manhã – entre 9h e 10h, à tarde 15h às 16h.]

  1. Prepare sempre o seu cliente

Dê todas as informações para o seu assessorado para que ele tenha uma boa performance, instrua-o sobre os detalhes da pauta e outras informações pertinentes antes da entrevista.

Mostre a importância dele ser simpático e educado em todas as situações. Se mostrar preparado pode fazer com que ele volte a ser fonte recorrente de informação.

  1. Seja convincente ao “vender” a pauta

“Vender” uma matéria, no jargão jornalístico, é ser convincente de que o assunto é relevante e deve ser publicado. Por isso, invista na qualidade do release ou da sugestão de pauta (título, linha editorial, grafia sem erros). Cuidado para não privilegiar a algumas emissoras em detrimento a outras. Faça a coisa certa!

  1. Fique de olho nos melhores dias para oferecer uma pauta

Talvez ninguém tenha te contado isso, mas atente-se aos dias da semana para adequar o seu material, pois o veículo pode te oferecer uma melhor cobertura.

  1. Observe os melhores horários para divulgar sua informação

Saiba os horários para divulgar um material. Ao veicular de manhã, você poderá ter uma cobertura para o dia inteiro. Se for à noite, o material será menos explorado.

  1. Cultive o bom relacionamento

Um dos principais papeis da assessoria de imprensa é conversar com os veículos. Isso é muito importante, mas sem ser o assessor chato. Tenha um bom relacionamento com a redação, por meio de boas sugestões, de parceria na hora de emplacar a pauta.

  1. Priorize a honestidade no contato

Seja honesto com os veículos de comunicação, mantenha o compromisso do jornalista com a verdade. E saiba qual é o viés desses profissionais.

  1. Facilite a vida da redação

Seja proativo. Faça imagens (com o próprio celular) e, se for o caso, envie para a redação. Um exemplo é o chamado vídeo-release. Isso ajuda muito.

  1. Fique atento ao feedback do seu trabalho

Observe se suas pautas estão sendo aceitas, se não tiverem abertura, faça uma análise sobre o que você está errando. Peça feedback aos colegas da redação, mas sem ser invasivo.

  1. Foque na concisão

As pessoas em geral e, sobretudo na redação, estão lotadas de informações. Por isso, escreva textos breves. Se a pauta emplacar, você envia mais informações.

  1. Entenda o valor das boas histórias

Esteja atento aos belos exemplos, uma história interessante de superação, uma inovação. Encontre um diferencial. “Todo bom exemplo, toda superação, toda ideia criativa e toda participação de um personagem local chamará mais atenção.”

  1. Faça media training sempre com o seu assessorado

Oriente seu entrevistado para que ele tenha uma linguagem que seja clara, pois o público é diversificado, desde uma pessoa que não sabe ler até alguém com mestrado e doutorado pode estar acompanhando a entrevista.

Ajude-o a usar uma forma de se comunicar que as pessoas entendem. Policiais, advogados mal assessorados geralmente usam palavras que podem dificultar o entendimento do público.

Saiba que a média de uma entrevista é de 3 minutos, seu entrevistado precisa dar o recado em tempo curto, precisa transmitir confiança, ser preparado.

Mostre a forma correta de se sentar, de falar (corretamente), a cor da roupa, o jeito de olhar para a câmera. Dê o feedback dos pontos fortes e fracos.

  1. Cuide da imagem do seu assessorado

Pode até parecer repetitivo, mas é preciso reforçar que o assessor de imprensa deve resguardar e promover uma imagem positiva do cliente. Cuide da imagem do seu assessorado em todos os aspectos.

  1. Prepare seu cliente para situações difíceis

Prepare o seu entrevistado com perguntas duras, se o caso for uma denúncia por exemplo.

Faça você mesmo simulações de perguntas que todo jornalista quer saber. Grave, regrave e dê sugestões de melhoria para o seu cliente.

  1. Tenha mentores no seu ramo de atuação

Busque pessoas que conhecem sobre assessoria de imprensa, que vivenciaram uma experiência nessa área e aprenda com essas pessoas. Isso encurta o caminho e você se inspira tanto nos erros, quanto nos acertos.

Por isso, uma boa sugestão é aprender sobre assessoria de imprensa com profissionais experientes como no MBA Assessoria de Imprensa na Comunicação Digital. Saiba mais!

Tópicos

    Publicidade