Entretenimento

Onde você estará em janeiro de 2041?

É quase impossível prevermos onde onde vamos estar 20 anos adiante


Pablo Kossa
Do Mais Goiás | Em: 04/01/2021 às 10:43:15

 (Foto: Jucimar de Sousa/Mais Goiás)
(Foto: Jucimar de Sousa/Mais Goiás)

Janeiro de 2001.

Onde você estava?

Eu era estudante de Jornalismo com 21 anos de idade. Não sabia muito bem o que queria seguir em minha vida. Pensava em continuar estudando depois que me formasse. Trabalhava como estagiário na rádio Interativa, onde ainda trabalho. Namorava há quase dois anos a mesma garota. Sonhava em morar fora de Goiânia um tempo para ter outras experiências. São Paulo, Londres… Nenhum plano muito bem definido. Filhos não estavam no projeto, comprar uma casa também não. Minha vida era uma grande interrogação.

Janeiro de 2021.

Onde você está?

Cá estou, 41 de idade, jornalista há mais de 20 anos de carreira consolidada em meu estado. Pai de duas garotas, uma já adulta. Passando férias numa fazenda erma, perto da divisa de Goiás com Tocantins de propriedade da família de minha esposa, que conheci quase dois anos depois do janeiro de 2001. Trabalho na mesma rádio em que era estagiário, mas numa função diferente. A internet ganhou força nesses 20 anos e aqui estou publicando meus textos na potência que é o Mais Goiás. Nunca morei fora de Goiânia. Preferi a decência de ficar por perto da minha primogênita e vê-la crescer. Moro em uma casa que eu não aceitaria nem de graça em 2001 – eu odiava casas e sonhava com apartamentos.

Muito pouco do que eu sonhava há 20 anos se realizou. Sou uma pessoa muito muito muito diferente do que era em 2001. Mas ainda a mesma pessoa. Vejo elementos constitutivos do meu ser naquela idade, mas completamente alterados pelas circunstâncias imprevisíveis que a vida impôs nesse interstício. A vida é uma onda que temos que surfar. E, se vacilar, toma capote. Se for um imbecil, é engolido por ela.

Janeiro de 2041.

Onde você estará?

Se ainda estiver vivo, terei 61 anos, a poucos de me aposentar caso não mudem a legislação previdenciária até lá. Será que terei realizado o sonho de morar em outra cidade que habita minha cabeça desde 2001? Será que minhas filhas me trarão netos ou netas? Ou serei avô de pet? Estarei trabalhando onde? Será que morarei em casa até lá ou terei voltado ao apartamento?

Tudo muito longe, tudo muito imprevisível. Mas 20 anos passam voando. Prova disso é que, de repente, entramos na segunda década do século XXI. E tudo que estaremos colhendo em 2041 já está germinando nos dias de hoje. Pois isso que você tem que plantar as frutas certas. E nunca ser um imbecil. Por isso, use máscara.


Publicidade