Kossa Aqui
Do Mais Goiás

A fila da vacina me faz lembrar de tudo que sinto falta

Goianienses encaram horas para receber a bendita agulha no braço enquanto eu sinto saudades de esperar em uma fila

Fila de vacinação | Foto: Jucimar de Sousa / Mais Goiás
Fila de vacinação | Foto: Jucimar de Sousa / Mais Goiás

As filas para receber a vacina contra a covid-19 em Goiânia estão muito fora do razoável. Ponto. Não há tergiversação possível para negar esse fato óbvio. A Prefeitura até começou a se mexer, aumentou o número de postos de vacinação, distribuiu o público por idade, categorias profissionais, agendamento e até ordem alfabética. Mas ainda está longe do ideal. Precisa melhorar. Mas, vendo as pessoas que já acumulam a beleza dos anos nos sinais de expressão com um olhar esperançoso por trás das máscaras, me lembro que faz muito tempo que eu não entro em uma fila. Olha, preciso ser sincero, até que me bateu uma saudade de perder a paciência em uma fila gigante…

Para você ver o que essa pandemia é capaz de fazer com nosso emocional. Eu estou aqui com saudades de fila. Logo eu, o rei da impaciência. A encarnação do mau humor com a perda de tempo que esperar por algo representa. Aquele que reza para que ninguém puxe assunto enquanto estamos ali aguardando por algo.

O que prometeu para si mesmo nunca mais voltar no Bananada por conta de uma fila criminosa para pegar uma cerveja e que me fez perder o show da Liniker. Eu que fiquei com bode do Serra Dourada por um bom tempo por causa de uma fila inacreditável para entrar em um dos jogos do Goiás na Libertadores.

Sim, esse cara sou eu. Olho para a fila da vacina e sinto alguma nostalgia de estar no meio de desconhecidos aguardando por algo que desejo muito.

É óbvio que qualquer um com a inteligência maior que a de uma lesma está evitando aglomerações tal qual o diabo foge da cruz. E também sei que por conta da minha idade e profissão, serei o último grupo social a vacinar. Logo, preciso trabalhar minha paciência. Vai demorar muito para chegar minha vez.

Mas, preciso ser sincero: estou louco de vontade para entrar em filas novamente. Só para prometer pra mim mesmo que nunca mais voltarei naquele local por causa das filas.

@pablokossa/Mais Goiás | Foto: Jucimar de Sousa / Mais Goiás