Dose Diária
Do Mais Goiás

Influenciador ou influenciável?

Entenda de que lado você está e como usar isso ao seu favor

Fonte: Internet

Se você entender essa lei natural da vida e utilizá-la de forma consciente e intencional, você mudará sua vida de uma vez por todas.

Nós somos a média das pessoas que mais convivemos, dos livros que lemos, e dos lugares que frequentamos e dos pensamentos que cultivamos.

Isso é um fato!!

Basta você observar que ao conviver com uma pessoa que fala alguma gíria, quando você menos esperar, estará com ela na ponta da língua.

Quando criança, vivíamos de acordo com as regras dos nossos pais, da escola, e de todos aqueles que possuíam uma certa autoridade sobre nós.

Agora, adultos, temos o livre arbítrio de escolhermos aonde queremos estar, com quais pessoas queremos conviver, e quais informações queremos consumir.

Mas, sabe qual o nosso maior problema? Não utilizarmos isso de forma intencional e ao nosso favor.

Quando você resolve verdadeiramente mudar de vida começa a entender a importância em colocar intensão nas coisas. Não só fazer por fazer, mas, fazer por algum motivo, em busca de algum resultado.

E mesmo que desapegar de pessoas, lugares, sentimentos, circunstâncias, seja difícil, é de extrema necessidade para o seu crescimento e evolução.

William Clement Stone escritor norte americano definiu muito bem esse assunto na frase: ⁠Você é um produto do seu meio. Portanto, escolha o meio que melhor desenvolverá você em direção ao seu objetivo. Analise sua vida em termos do meio. As coisas ao seu redor estão ajudando você a alcançar o sucesso – ou estão te impedindo de chegar lá?

Nós somos resultado de tudo que ingerimos, seja pela boca, pelos olhos, ouvidos e cérebro, e podemos e devemos selecionar muito bem aquilo que você queremos colocar para dentro.

Então, se você sente que está tentando crescer na vida, mas não está tendo nenhum progresso, observe a sua volta.    Se atente a esses detalhes: ambiente, companhias, influências, escolhas e pensamentos.

Alinhe esses pilares com seus objetivos de vida e busque entender por quem você está se deixando influenciar, pois, no fim das contas, estamos sempre influenciando e sendo influenciados.

Ah, e lembre-se: Você não pode mudar as pessoas ao seu redor, mas você pode mudar as pessoas ao seu redor. Leia de novo.