Comportamento

Você não sabe o que quer

É dentro que está o que você busca fora.


mgadmin
Do Mais Goiás | Em: 14/09/2016 às 15:40:24


Você diz que quer sossegar. Senta no bar e cantarola suspirando por um amor, ou pela fossa do último prefácio que idealizou. Você chora ao som de Photograph e respira pesado por todos amores que morreram antes de nascer. Mas na verdade, você não quer amar ninguém. Você acha que quer, mas não quer, e é exatamente por isso que só atrai pessoas que te dão exatamente o que você quer: nada.

Você quer amar alguém, mas ainda não suporta bem a idéia de ir a um festival, uma festa ou em um parque que seja e não flertar com o ser humano atipado no seu tipo que talvez surja em seu caminho. Confessa: você ama as possibilidades!

Você diz que quer amar alguém, mas morre de preguiça da idéia de enfrentar a expectativa da família ao apresentar seu provável novo amor. Diz que quer alguém mas não se dispõe nem mesmo a mudar sua rotina. Se transa em casa, em boa parte das vezes torce para que o crush do momento não queira dormir em sua casa para não atrapalhar o cotidiano semanal.

Você diz que quer amar alguém. Você chora por isso. Você pensa nisso antes de dormir. Você se pergunta se a vida será sempre sem eira nem beira assim, e em vários dias, o universo assim, todo livre, lhe parece uma ótima ideia. Mas em outros incontáveis minutos, se vê pensando no amanhã.

Pra começo de conversa, aceite que você pode não querer ninguém. Que você talvez esteja só um pouco carente e que isso te faz achar que gosta de pessoas que te oferecem menos do que merece. Entender que cada um atrai o que precisa talvez te dê o norte de aceitar que todas as situações inaceitáveis que já viveu, viveu porque atraiu. Porque de alguma forma, seu inconsciente te trouxe a lição que você deveria decorar e por vezes seguidas, não conseguiu nem notar.
Sabe aquela garota que te ignora setecentas mensagens seguidas? Você não a ama, não gosta dela, talvez não tenha por ela sequer carinho deturpado. Anda, rapaz. Desapega desse ego ferido.

E aquele cara que sequer se importa com seu prazer e que, convenhamos, nunca te deu motivo nenhum para que você lhe devotasse apreço verdadeiro? Você não gosta dele. Não gosta mesmo. Gosta da idealização que inventou do que um dia ele pode vir a ser.
Sem contar dos extremos, quando você decide abrir mão de tudo por causa de quem você acha que pode vir a amar. Desrespeito a si nunca fez caminho de luz.
A vida é o que acontece entre um equívoco e a permanência nele.

Você não está querendo ninguém, só está querendo você.

Há amor nos espelhos e pra bebê-los, ninguém cobrará pedágio. Embebede-se!

É dentro que está o que você busca fora.


Publicidade