FolhaPress

Bebê de 6 meses sobrevive a queda do 3º andar em incêndio na França; veja

Pais da menina também evacuaram o local e, assim como ela, não correm risco de vida

Bebê de 6 meses sobrevive a queda do 3º andar em incêndio na França; veja
Bebê de 6 meses sobrevive a queda do 3º andar em incêndio na França (Foto: Reprodução/ Twitter)

Uma bebê de seis meses sobreviveu ao ser jogada do terceiro andar de um prédio durante um incêndio que atingiu o apartamento da família dela no domingo (28), na cidade francesa de Nantes. Os pais da menina também evacuaram o local e, assim como ela, não correm risco de vida.

Antes que os bombeiros chegassem ao local, jovens que passavam pela rua puderam avistar a fumaça no apartamento. Então, alguns subiram ao prédio para socorrer a família, mas a fumaça aumentava rapidamente, tornando o acesso à moradia impossível.

A única alternativa de escape para os envolvidos no incêndio era pela sacada ou pelas janelas do apartamento no terceiro andar. “Nos organizamos para poder salvar primeiro o bebê, depois nos organizamos para subir de varanda em varanda, para formar uma espécie de corrente humana, tiramos primeiro a mãe, depois o pai”, disse Tamid, um dos envolvidos ao jornal France 3.

Para o resgate do bebê, mais urgente, as pessoas colocaram colchões no chão e contaram com a coragem dos pais da criança para jogá-la do apartamento, antes que o monóxido de carbono, proveniente da fumaça, atingisse suas vias respiratórias. A ideia deu certo e a criança sobreviveu a queda com alguns ferimentos. A “operação civil”– sem ajuda dos bombeiros — também foi bem sucedida, com o pai e a mãe da criança sendo resgatados através da “corrente humana” formada nos andares de baixo do apartamento deles.

“O rosto deles estava inteiramente preto [por conta da fuligem], eles cuspiam na cor preta e o pai tinha olhos todos vermelhos, eles estavam à beira da asfixia”, relatou Anass, que é tido como um dos organizadores do resgate.

Após o ocorrido, a menina de 6 meses foi levada às pressas para cuidados de urgência em um pronto-socorro pediátrico. A última atualização do estado de saúde dela, divulgada pelo jornal Daily Mail, é que ela está “sem riscos [de vida] e se recuperando”.

Os pais também foram encaminhados a um hospital, em situação de “urgência relativa, onde passaram uma noite internados e já receberam alta.

Mesmo com a intervenção veloz e eficaz dos civis, bombeiros foram até o local do incêndio e conseguiram controlar o fogo sem grandes dificuldades. Na noite do incidente, uma petição online foi criada para requisitar que o presidente da França, Emamanuel Macron, reconheça oficialmente a ação dos envolvidos no resgate como um ato de heroísmo.

Assista ao vídeo:

Mãe se assusta ao notar criatura bizarra em ultrassom no Reino Unido; leia.