PM

Batalhão ambiental prende suspeito de caça ilegal e apreende armas de fogo

Dois homens foram detidos em fazendas localizadas entre Mineiros e Doverlândia




Policiais militares prenderam na tarde desta quarta-feira (28) dois homens suspeitos da prática de caça ilegal. Com cada um deles foi apreendida uma arma de fogo.

Os homens foram abordados após denúncia recebida pelos militares enquanto patrulhavam a GO-221, entre Mineiros e Doverlândia. Segundo relatos, havia pessoas na região abatendo animais silvestres com o uso de armas de fogo.

Os policiais se deslocaram primeiramente para a Fazenda Babaçu 1, onde abordaram Júlio César Vilela Morais, proprietário do local. Questionado pelos agentes, ele negou praticar caça predatória, porém, em seu freezer foram encontrados sacos plásticos contendo diversos tipos de carne, além de aproximadamente 12 quilos de carne de cateto.

O homem alegou aos policiais que havia ganhado as carnes, no entanto, entregou uma espingarda .22 quando questionado se possuía arma de fogo. Em seguida, o objeto foi apreendido e o homem preso por posse ilegal de arma de fogo e caça predatória.

Em seguida, os policiais se deslocaram à Fazenda Ipê, vizinha da Babaçu 1. Lá,encontraram Márcio Felizardo Lourenço, que também negou praticar caça, mas apresentou voluntariamente uma espingarda .20 com munição deflagrada.

Sem apresentar a documentação necessária, Márcio também foi preso por posse ilegal de arma de fogo.

Tópicos