Do Mais Goiás

Bandidos assaltam loja de celular em shopping de Aparecida de Goiânia

Vendedores foram algemados e amordaçados por dupla, que fugiu levando mais de R$ 100 mil em Aparelhos

Dois bandidos armados assaltaram, no final da noite deste sábado (3), a loja da TIM que fica dentro de um shopping localizado na Avenida Rio Verde, em Aparecida de Goiânia. Após ficarem por cerca de 15 minutos dentro da loja, os criminosos fugiram levando mais de R$ 100 mil em aparelhos.

Armados com um revólver, os dos bandidos, todos jovens, aproveitaram o momento em que funcionários fechavam a loja, por volta das 10 da noite, e entraram.

“As portas já estavam abaixando quando eles apareceram de uma vez, e inicialmente falaram que precisavam comprar um acessório urgente, mas em seguida sacaram a arma, e renderam os funcionários”, relatou uma testemunha que pediu para não ser identificada.

Dentro da loja, os bandidos renderam oito funcionários, algemaram seis deles com lacres de plástico que trouxeram em duas malas grandes, e amordaçaram todos com fitas de PVC. Outros dois funcionários foram obrigados a acompanhar os criminosos dentro da loja.

De acordo com informações preliminares, a dupla escolheu somente os celulares de última geração e fugiu com duas malas cheias, deixando apenas quatro aparelhos dentro da loja.

A ação, que durou 40 minutos, foi toda registrada pelo circuito de segurança da loja e as imagens serão repassada para a Polícia Civil.

Somente após o balanço de tudo o que foi levado, que deve ser concluído no final da tarde de hoje, é que o gerente da loja irá registrar a ocorrência no 2º Distrito Policial de Aparecida de Goiânia.

Em nota,  o shopping informou que “está à disposição para prestar todo apoio na investigação do caso. Neste domingo o shopping e a loja funcionam normalmente”.

Leia a nota na íntegra:

“Na noite deste sábado, 3 de fevereiro, no momento do fechamento do shopping assaltantes entraram em uma loja de celulares. Eles fugiram levando os aparelhos. O shopping está à disposição para prestar todo apoio na investigação do caso. Neste domingo o shopping e a loja funcionam normalmente.”