Do Mais Goiás

Baixa adesão marca retomada de vacinação de idosos, em Aparecida

Coordenadora de imunização do município convoca todos idosos acima de 60 anos para serem vacinados

Ponto de vacinação vazio em Aparecida (Foto: Enio Medeiros/SecomAparecida)
Ponto de vacinação vazio em Aparecida (Foto: Enio Medeiros/SecomAparecida)

Retoma de vacinação de idosos acima de 60 anos em Aparecida é marcada por baixa adesão da população. Volta de aplicação da primeira dose do imunizante acontece a partir desta sexta-feira (30) após terceira suspensão por falta de estoque de imunizantes. Coordenação de imunização do município diz que “pinga-pinga” do recebimento de doses do Ministério da Saúde pode ter comprometido adesão.

“Não há previsão de chegada de novas doses do Ministério da Saúde e isso é uma das maiores dificuldades para estabelecer um cronograma de vacinação. Com certeza as suspensões atrapalham a vacinação porque é interpretado como uma dificuldade para quem quer vacinar”, afirma a coordenadora de imunização do município, Renata Cordeiro, que convoca todos os idosos do município a comparecerem nos postos de vacinação.

Fluxo

Segundo Renata, nos primeiros dias da vacinação em grupo prioritário com idade acima de 61 anos, na semana passada, o fluxo diário de pessoas imunizadas era de 1500. De acordo com a coordenação de imunização do município, diante do baixo movimento nos pontos de vacinação, a expectativa é de que o público vacinado ao fim do dia não chegue a mil pessoas.

A profissional de saúde ainda afirma que os pontos de vacinação estão vazios e sem filas, o que indica baixa adesão dos aparecidenses. “Estamos convocando todos os idosos acima de 60 anos a procurar os pontos de vacinação do município para se imunizarem. Nós esperávamos um público muito maior porque se formos seguir a projeção demográfica de 2020, faltariam cerca de 12 mil idosos acima de 60 anos para serem imunizados”, pontuou Renata.

Retomada

A retomada da primeira etapa de vacinação em idosos com idade superior a 60 anos acontece após recebimento de 12,5 mil doses da vacina Astrazeneca/Oxford para primeira aplicação e 3,2 mil doses de Coronavac/Butantan para segunda etapa de vacinação. Sobre a expectativa de concluir a vacinação no grupo prioritário de idosos acima de 60 anos com a última remessa recebida, Renata pondera.

Do total de doses para primeira aplicação recebidas em Aparecida, 8,5 mil serão aplicadas em idosos com idade acima de 60 anos. “Estamos aguardando a diretriz do Plano Nacional de Imunização para saber se vamos seguir os dados demográficos do Censo de 2010 ou a projeção demográfica de 2020 para ter uma expectativa”, declara.

Renata discorda da projeção demográfica de 2020. “Acredito que temos ainda muitos idosos para vacinar, mas acho que são menos do que 12 mil, como indica a projeção do IBGE”, pontuou.

Profissionais da Saúde

Renata Cordeiro afirma que a vacinação dos profissionais da saúde estão sendo feitas exclusivamente por agendamento no aplicativo Saúde Aparecida. “Desde o início, temos vacinado os profissionais da saúde no local de trabalho, mas ficaram muitos remanescentes porque os horários das equipes de imunização e dos profissionais não batiam. Por isso resolvemos adotar o agendamento para sanar essas lacunas”, explica.

De acordo com a coordenadora de imunização do município, os integrantes das Forças de Segurança continuam sendo vacinados em seus respectivos locais de trabalho e deve ser concluída até o fim da próxima semana.

Onde e como vacinar?

A vacinação está disponível nos pontos drive-thru da Cidade Administrativa Luiz Alberto Maguito Vilela e do Centro de Especialidades, no Jardim Boa Esperança das 8h às 18h. No sábado (1º), feriado nacional, os pontos de drive thru  vão continuar funcionando normalmente das 8h às 17h. Para receber o imunizante nestes postos não é necessário agendamento. Basta ir ao local portando documento de identidade, comprovante de endereço de Aparecida e CPF ou cartão SUS.

A vacinação com a segunda dose do imunizante segue disponível no ponto drive-thru do Aparecida Shopping, de segunda à sexta-feira, das 8h às 18h, e nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs) dos setores Andrade Reis, Bairro Cardoso, Jardim Olímpico, Jardim Florença e Veiga Jardim, de segunda à sexta-feira, das 8h às 17 h. Em ambos os casos, sem necessidade de agendamento. Para receber a vacina, é necessário levar documento de identidade, CPF e cartão de Vacinação.