Ton Paulo
Do Mais Goiás

Aulas presenciais seguem sem previsão de retorno em Goiás, diz governo

Conforme a Seduc, a volta das aulas nessa modalidade só poderá ocorrer quando o estado sair do cenário vermelho

(Imagem: Rodolfo Santos/Getty Images/iStockphoto)

Não há previsão de retorno das aulas presenciais na rede estadual de ensino de Goiás, de acordo com a Secretaria Estadual de Educação. A volta das aulas nessa modalidade só poderá ocorrer quando o estado sair do cenário vermelho de Covid-19, o que não tem tempo estimado para ocorrer. Atualmente, de acordo com o painel da Secretaria de Saúde (SES), todas as 18 regiões de Goiás estão com a classificação de calamidade.

Conforme a superintendente de Organização e Atendimento Educacional de Goiás, Patrícia Coutinho, “pode haver mudanças” no futuro, mas o que é está definido pela Seduc até o momento é o não retorno das aulas presenciais enquanto perdurar o cenário de calamidade.

Em entrevista ao Mais Goiás na última semana, a titular da Seduc, Fátima Gavioli, afirmou que não pretende implementar o retorno das aulas presenciais nas atuais circunstâncias. “se eu colocar os professores de volta, daqui a pouco eu terei máquinas e não terei pessoas, porque elas vão adoecer diante de tanta instabilidade”, disse, na ocasião.

A secretária também garantiu o bom funcionamento do Regime Especial de Aulas Não Presenciais (Reanp), dizendo que ele conta com “uma das melhores estruturas que se poder ter num regime de aulas”.