Campeonato Brasileiro

Atlético-GO amplia invencibilidade ao empatar com o Oeste

O Atlético-GO volta a jogar na sexta-feira, às 21h30, no Serra Dourada, em Goiânia, contra o Bahia




Tal como a expectativa colocada sobre as duas equipes, a partida entre Oeste e Atlético-GO não foi das melhores da rodada. O empate sem gols no estádio José Liberatti, em Osasco, traduz bem o desempenho dos times.

Com o resultado, o time de Itápolis é o 10º colocado na tabela da Série B, com 24 pontos somados. O Dragão tem dois a menos e ocupa a 14ª posição do torneio.

O Atlético-GO volta a jogar na sexta-feira, às 21h30, no Serra Dourada, em Goiânia, contra o Bahia. No dia seguinte, às 16h30, o Oeste duela contra o Paysandu, no Mangueirão, em Belém.

O JOGO

Desde o início, os dois lados apresentaram dificuldades no jogo pelo chão. Deste modo, os 10 primeiros minutos foram de aposta nos lances aéreos. Quando o Oeste finalmente colocou a bola no gramado, foi para levar perigo.

Aos 11, a equipe teve uma série de arremates a gol. Todos eles, no entanto, foram devidamente travados pela zaga do Atlético-GO. Em seguida, o Dragão já tentou ligar o contra-ataque rápido com Júnior Viçosa, que levantou a cabeça e lançou Willie. Antes do atacante, porém, chegou o goleiro Jeferson, que rasgou e fez o corte.

O primeiro tempo ainda foi marcado por uma polêmica aos 34 minutos. Em lance iniciado por Júnior Viçosa, o Atlético-GO chegou ao gol. O auxiliar Michael Correia, todavia, levantou a bandeira e anulou a jogada de forma equivocada. Como resposta, o Oeste desceu com Mazinho, que rolou para Patrik finalizar. Atento, Márcio espalmou para longe.

Na marca dos 20 minutos da etapa final, o Oeste cobrou falta perigosa com Renato Xavier e, com Márcio vencido, acertou o travessão. Por fim, já aos 41, Rafael Martins subiu mais do que a zaga do Dragão e tocou de cabeça para o gol, exigindo nova defesa do goleiro adversário.

FICHA TÉCNICA
OESTE 0 X 0 ATLÉTICO-GO

Local: Estádio José Liberatti, em Osasco (SP)
Data: 11 de agosto de 2015, terça-feira
Horário: 19 horas (de Brasília)
Árbitro: Rodrigo Nunes de Sá (RJ)
Assistentes: Andrea Izaura de Sá (RJ) e Michael Correia (RJ)
Cartões amarelos: Marcelinho (Oeste); Jorginho e Feijão (Atlético-GO)

OESTE: Jeferson; Weldinho, Halisson, Ligger e Fernandinho (Rodriguinho); Patrik Silva (Marcelinho), Renato Xavier e Mazinho; Wagninho, Rafael Martins e Júnior Negão (Paulo Henrique)
Técnico: Roberto Cavalo

ATLÉTICO-GO: Márcio; Eder Sciola, Samuel, Rafael (Marcus Winícius) e Eron (Bruno Moura); Feijão, Pedro Bambu e Jorginho; Willie (Juninho), Junior Viçosa e Arthur
Técnico: Gilberto Pereira