Hygor Ferreira
Do Mais Goiás

Atlético deve jogar com time misto na última rodada do Brasileirão

Equipe do técnico Marcelo Cabo enfrenta no Coritiba na quinta-feira (25)

Marcelo Cabo. (Foto: Heber Gomes/ACG)

A meta de chegar a Copa Sul-Americana foi conquistada pelo Atlético. Agora o rubro-negro ainda quer fazer sua melhor campanha na Série A, superando 2011, em que o time fez 48 pontos. Para isso, o time campineiro terá pela frente o Coritiba na quinta-feira (25), pela última rodada. Mas para esse duelo, o time deve entrar com um elenco misto, já que no sábado (27) tem a final do Goianão 2020, contra o Goianésia.

O treinador Marcelo Cabo sabe que a final do estadual é muito importante, mas mesmo assim, o comandante não quer deixar de fazer uma grande partida diante do Coritiba. Até por isso, o treinador destacou que vai mandar a campo quem estiver melhor, mas que irá poupar aqueles que estiverem mais desgastados.

“Temos um grupo enxuto e precisamos rodar o elenco, mas vamos levar o que tivermos de melhor. O que me trás segurança é que mesmo eu mexendo no time, como foi contra o Palmeiras, o grupo consegue ‘performar’ muito bem”, comentou Marcelo Cabo.

Para conseguir superar 2011, o time campineiro precisa de uma vitória sobre os paranaense no estádio Antônio Accioly, isso porque, atualmente, o clube ocupa a 13ª colocação, com 47 pontos. O coxa vem para Goiânia para cumprir tabela, já que equipe já está rebaixada para a Série B.