FolhaPress

Assalto é mostrado ao vivo enquanto jogador transmitia live; assista

Assaltantes ameaçaram jogador e roubaram eletrônicos em Vinhedo (SP)

Assalto é mostrado ao vivo enquanto jogador transmitia live; assista
(Foto: Reprodução Youtube)

O jogador de videogame Hélio Negreiros, 36, foi surpreendido na região de Vinhedo (SP) por bandidos que entraram em sua casa e efetuaram um assalto no momento em que ele transmitia ao vivo uma partida pelas redes sociais.

Toda a ação dos criminosos foi filmada. Dois ladrões armados o ameaçaram e ainda agrediram uma cachorrinha que estava na casa. Eles roubaram um tablet, aparelhos eletrônicos e outros objetos antes de fugir. O rapaz pediu ajuda no momento em que estava trancado no quarto.

Negreiros mora em uma chácara na Vila Junqueira e o assalto aconteceu na última terça (1º). O rosto de um dos bandidos pode ser visto nas imagens transmitidas ao vivo.

Enquanto Negreiros descia com um deles, o outro vasculhava o quarto do rapaz em busca de dinheiro e objetos valiosos. “Levaram dinheiro em espécie, joias, objetos de louça de maior valor, aparelhos portáteis, tablets, dois celulares e outras coisas”, disse em entrevista à Globo.

Cerca de 40 minutos depois, policiais militares chegaram ao local, mas todos os criminosos já haviam saído. Agora, a Polícia Civil investiga o caso. Negreiros deverá prestar esclarecimentos nesta sexta (4).

Além do gamer, outras pessoas que moram no entorno também foram vítimas de assalto. Uma das moradoras que mora ao lado da casa de Negreiros contou que os assaltantes invadiram a casa dela em busca de dinheiro.

Apresentador e convidado do ‘Pânico’ trocam socos ao vivo

No mês passado, um bate-boca ao vivo terminou em pancadaria no programa Pânico, da rádio Jovem PanAndré Marinho, integrante do programa, e Tomé Abduch, um dos convidados da atração, trocaram farpas até que a discussão evoluiu para agressão física.

O desentendimento começou quando Abduch pediu para se manifestar a respeito de uma outra participação recente dele no programa. Na ocasião, Marinho havia dito que ele morava em uma casa que pertencia a João Doria, governador de São Paulo.

André Marinho, então, reiterou que o colega moraria em uma casa que pertence ao político e mostrou uma suposta escritura de contrato na tela do celular. “Ele é o maior crítico do cara e ainda desfruta e se lambuza do conforto de uma casa?”, questionou. Abduch respondeu: “Eu pago aluguel, a casa está alugada, rapaz!”.