Do Mais Goiás

Armeiro é preso suspeito de fabricar e vender armas, em Novo Gama

Segundo a Polícia Militar (PM), jovem estava com vários armamentos e com maquinários para confecção das armas

Armeiro é preso suspeito de fabricar e vender armas caseiras, em Valparaíso (Foto: divulgação/PM)

Um armeiro, de 22 anos, foi preso suspeito de vender e fabricar armas em Novo Gama, no Entorno do Distrito Federal, na noite da última terça-feira (16). Segundo a Polícia Militar (PM), os militares de Rondas Ostensivas Táticas Metropolitanas (Rotam) encontraram duas armas que estavam prontas para serem comercializadas e sete que estavam em processo de montagem.

Segundo o tenente Lucas Aguiar, da Rotam, a equipe chegou ao local através de uma denúncia anônima. O suspeito foi abordado na porta da casa dele, que fica do Jardim Paiva, no município. Os policiais, durante vistoria, já localizaram algumas munições no bolso do jovem.

Os militares entraram no local e encontraram uma pistola calibre 380, uma espingarda calibre 36 e munições calibre 45. Também apreenderam peças e maquinários para fabricação do armamento.

“Ele tem bastante conhecimento na área, contudo não é um profissional mesmo e nem contava com uma estrutura profissional pra isso. Armas feitas nessas condições geram riscos de disparo acidental e também de desmontagem quando da utilização e consequentes danos a quem esteja manuseando”, explica o tenente.

Segundo o tenente, o jovem já tem três passagens por porte ilegal de arma de fogo e um antecedente por roubo. Ele foi autuado, mais uma vez,  por porte ilegal e fabricação de arma de fogo, apresentado no CIOPS de Valparaíso de Goiás.