Trânsito

Aprovação em prova prática sobe em municípios com pistas padronizadas pelo Detran-GO

Meta da autarquia é uniformizar circuitos em 78 municípios até o fim deste ano


Karla Araujo

Do Mais Goiás | Em: 14/07/2017 às 17:15:45


Pista de provas de Anápolis antes e depois (Foto: Divulgação)
Pista de provas de Anápolis antes e depois (Foto: Divulgação)

Em um esforço conjunto para melhorar a formação dos condutores em Goiás e elevar o índice de aprovação dos candidatos à Carteira Nacional, o Detran-GO, com o apoio dos Centros de Formação de Condutores e das prefeituras, vêm padronizando as pistas de prova de direção veicular. Já foram implantados 14 circuitos nesse novo modelo. A meta é uniformizar as pistas nos 78 municípios até o final do ano, proporcionando uma melhor formação ao condutor e oferecendo maior conforto e comodidade a candidatos, instrutores e familiares.

Nos municípios em que a pista de prova foi padronizada, apesar do aumento das exigências, houve uma significativa melhoria nos índices de aprovação. Segundo o gerente de Habilitação do Detran-GO, Rodrigo Rezende, em algumas localidades a reprovação caiu 30%. “Nossa proposta é oferecer condições e ambiente adequados para que os CFCs ensinem com excelência e para que os candidatos possam aplicar seus conhecimentos de forma tranquila e humanizada. A melhoria da aprendizagem está diretamente relacionada à redução dos acidentes de trânsito”, pontua o presidente do Detran-GO, Manoel Xavier Ferreira Filho.

Com a padronização, as pistas de motocicleta, por exemplo, contam com novidades que exigem maior habilidade dos candidatos. Eles têm que fazer o circuito atual acrescido da rampa e área de desenvolvimento, traçado que os obriga a trocar marchas por várias vezes. “Queremos formar um condutor que, nas ruas, tenha confiança para pilotar. Por isso, a pista deve reproduzir ao máximo situações que ele encontrará no trânsito, mas sempre dentro do previsto na legislação”, afirma Manoel Xavier.

“Aproveitando a padronização das pistas, estamos promovendo uma reflexão sobre o serviço prestado pelo Detran e, especialmente, sobre a qualidade dos condutores que estamos formando”, alerta o presidente. Ele lembra ainda que a implantação dos novos circuitos integra um pacote de medidas que buscam preparar o condutor para enfrentar com segurança os obstáculos impostos pelo dia a dia no trânsito, o que, certamente, terá impacto para a redução do número de acidentes.

Já as pista de prova com carros passaram a contar com três trajetos alternativos, além da baliza e rampa. Só no momento em que entrar no veículo, o candidato à categoria B será informado sobre o caminho a ser percorrido. O objetivo é evitar a robotização, preparando os condutores para dirigir com confiança e especialmente segurança.

As pistas contam ainda com estrutura para recepcionar instrutores, examinadores, candidatos e familiares. Ao contrário dos modelos antigos, onde a recepção era feita na rua, os circuitos padrões contam com local de espera com cadeiras, banheiros, bebedouros e área coberta.

Além dos circuitos já concluídos, a padronização de outros 15 já estão em andamento. O Detran-GO ainda aguarda respostas de outros 28 municípios para estabelecer parceria. A partir do próximo ano, onde não houver pista padronizada não poderá ser realizada banca examinadora. Nesses casos, os candidatos à habilitação terão que fazer a prova na pista mais próxima. Por mês são realizadas aproximadamente 28 mil provas de direção veicular.

Detran mais próximo do cidadão

A padronização das pistas de prova prática veio acompanhada da descentralização. Em municípios onde houver demanda e parcerias, o Detran-GO pretende implantar mais de um circuito. Esse é o exemplo de Anápolis. A cidade conta com duas pistas padronizadas construídas em parceria com os CFCs do município. Luziânia também conta com dois circuitos, um no Centro e outro no Jardim Ingá, bairro que conta com mais de cem mil habitantes.

Em Goiânia, também foram ampliados os locais de prova. Além da sede, na capital, o candidato pode escolher entre a Pista Macambira e Parque Fonte Nova, na região Noroeste. A autarquia está trabalhando para implantar uma pista na região Leste da cidade. “Desta forma, descentralizaremos os locais de prova e reduziremos os fluxos de veículos nas imediações do Detran-GO”, ressalta Manoel Xavier.