Brasil

Após processo de 15 anos, Record terá de exibir programas sobre religiões de origem africana

A ação foi aberta em 2004, tendo como autores o Ministério Público, o Instituto Nacional de Tradição e Cultura Afro-Brasileira (Itecab ) e o Centro de Estudos das Relações de Trabalho e da Desigualdade (Ceert).

FolhaPress | Postado em: 30/01/2019 às 18:13:34
Após processo de 15 anos, Record terá de exibir programas sobre religiões de origem africana
(Foto: Danilo Verpa/Folhapress)


Compartilhe



Compartilhe