SUPERAÇÃO

Após internação na UTI, mãe e filho se recuperam de covid-19 em Goiás

Wellington ficou dois dias na UTI, enquanto sua mãe,de 73, esteve internada por mais de um mês


Ton Paulo
Do Mais Goiás | Em: 05/01/2021 às 15:11:30

Foto: Monique Arruda/HCamp
Foto: Monique Arruda/HCamp

Após contraírem covid-19 e serem internados numa Unidade de Terapia Intensiva (UTI), uma idosa de 73 anos e seu filho, de 46, conseguiram vencer juntos. Mãe e filho são naturais de Amorinópolis, no interior de Goiás, e puderam retornar aos seus lares na última segunda-feira (4). Wellington de Lino ficou dois dias na UTI, enquanto sua mãe, Dirce Lino Machado esteve internada por mais de um mês.

Dirce e Wellington foram transportados para o Hospital de Campanha (HCamp) de Goiânia em duas ambulâncias no dia 25 de novembro do ano passado. Foram cerca de 3 horas para vencer os 250 quilômetros da pequena Amorinópolis, que tem cerca de 4 mil habitantes, até a capital.

Segundo informações do hospital, mãe e filho, infectados pelo coronavírus, o causador da covid-19, foram regulados para internação, admitidos em estado grave e encaminhados diretamente para os leitos da UTI.

Desde sua entrada na unidade, Welington ficou dois dias internados na UTI e seis dias na enfermaria. O rapaz recebeu alta médica sem sequelas e pôde voltar no dia 29 de dezembro para ficar ao lado na mãe na enfermaria. Dirce, que é mãe de dois filhos e avó de três netos, também conseguiu se recuperar, mas para isso foram necessários 35 dias de UTI e 5 na enfermaria.

Wellington recorda o que ouviu da mãe quando os dois deram entrada no hospital. ““Meu filho, só saio daqui viva, junto com você e segurando as suas mãos”. “Esse vírus não é brincadeira. Quase perdi a minha vida e a pessoa que eu mais amo. Não pude dar um abraço na minha mãe na noite do Natal. Mas vamos recuperar esse tempo em casa, vivos, sem sequelas e com a expectativa da chegada da vacina no nosso estado”, disse o rapaz.

Mãe e filho retornaram juntos, na ambulância para Amorinópolis, na manhã desta segunda-feira, 4 de janeiro, com a alta médica hospitalar de Dirce.