Insatisfação

Após derrota para o Grêmio, torcedores vandalizam sede do Goiás, em Goiânia

Muros do estádio foram pichados com dizeres de "Vergonha" e pedindo a saída do presidente do clube, Marcelo Almeida. Vidraças da loja oficial do clube também foram quebradas


Da Redação
Do Mais Goiás | Em: 16/09/2019 às 16:55:01

Dez torcedores do Goiás são identificados suspeitos de ameaçarem presidente e diretor do clube (Foto: Leitor/Mais Goiás)
Dez torcedores do Goiás são identificados suspeitos de ameaçarem presidente e diretor do clube (Foto: Leitor/Mais Goiás)

Um dia após a derrota de 3 a 0 para o Grêmio, a sede do Goiás foi vandalizada por torcedores que estariam descontentes com a atuação do time no Brasileirão. Os muros do Estádio Hailé Pinheiro, no Setor Bela Vista, foram pichados com dizeres de “Vergonha!” e “Fora, Marcelo [Almeida]!” – presidente do clube. Além disso, as vidraças da loja oficial foram quebradas.

O clube goiano vive uma péssima fase pós Copa América e venceu apenas um jogo dos 11 que já foram disputados. Três partidas foras empatadas e houve sete derrotas. O Goiás passou da sexta para a 15ª colocação na competição. Com o resultado, o clube está com 21 pontos e próximo da zona de rebaixamento. O Mais Goiás entrou em contato com a assessoria do clube, mas não obteve retorno até a publicação dessa matéria.

(Foto: Leitor/Mais Goiás)

(Foto: Leitor/Mais Goiás)

Jogo

A partida pela 19ª rodada do Brasileirão ocorreu no último domingo (15) na Arena do Grêmio, em Porto Alegre. O clube da casa comemorava 116 anos e jogou com uniforme novo. Todos os gols da vitória do tricolor foram feitos no primeiro tempo. O primeiro foi feito por Jean Pyerre aos 29 minutos de partida.

Três minutos depois, Everton Cebolinha marcou o segundo gol e, aos 45 minutos, Alisson marcou o terceiro da partida. O meia do Goiás, Yago Felipe, ganhou cartão amarelo. A próxima partida do clube esmeraldino será no próximo domingo (22) contra o Fluminense, no Estádio Serra Dourada, em Goiânia.