Ton Paulo
Do Mais Goiás

Após cobrança de sindicato, fiscais sanitários de Goiânia começam a ser vacinados

SindSaúde já havia enviado ofício à prefeitura, cobrando imunização dos servidores

Foto: Divulgação

Os fiscais da Vigilância Sanitária de Goiânia começarão a ser vacinados contra a Covid-19 a partir de amanhã, terça-feira (30). A prefeitura da capital confirmou a imunização após a cobrança por parte do Sindicato dos Trabalhadores do Sistema Único de Saúde de Goiás (SindSaúde) que, neste mês de março, enviou um ofício para a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) alegando que a vacina para os servidores da Vigilância deveria ser “assegurada prioritariamente”, devido à atuação deles nas operações de combate ao vírus.

A vacinação dos trabalhadores da Vigilância Sanitária foi confirmada na última semana, numa reunião do Centro de Operações de Emergência (COE), que acatou a solicitação dos servidores. Ao Mais Goiás, a SMS adiantou que a imunização da categoria vai começar nesta terça-feira.

No ofício enviado à pasta municipal, o presidente do SindSaúde, Ricardo Manzi, argumentou que os auditores fiscais e demais servidores “que atuam diuturnamente nas operações de combate ao Covid, nas fiscalizações de rotina e nos serviços essenciais, têm que ter garantido o mais rápido possível a vacinação, entre outras medidas de proteção”.

No mesmo documento, a entidade informou também o afastamento de diversos trabalhadores contaminados pelo coronavírus no exercício da função.