Do Mais Goiás

Aparecida de Goiânia possui mais de 30 áreas de risco

Segundo levantamento feito pelo Mais Goiás, Aparecida de Goiânia tem 31 áreas de risco, 23 pontos de alagamentos e 45 erosões que requerem atenção durante o período chuvoso.

(Foto: Divulgação)

As fortes chuvas que desabaram sobre Aparecida de Goiânia na última semana causaram transtornos, prejuízos e pânico em moradores da região. O volume de precipitação de água acumulado chegou a ultrapassar 70 milímetros.

Na sexta-feira (28), o Córrego Santo Antônio transbordou, invadiu suas cotas de inundações e atingiu imóveis construídos nas áreas mais baixas do curso d’água. A Rua Sergipe no Jardim Paraíso ficou totalmente alagada.

No mesmo dia, o temporal agravou um ponto erosivo na Alameda B Chácara 171 no Setor de Chácaras São Pedro.

Na última quinta-feira (25), Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Parque Flamboyant foi invadida pela água da chuva. Um vídeo publicado nas redes sociais mostra o interior da unidade de saúde inundado com o nível da água chegando à canela das pessoas que aguardavam atendimento.

Moradores de uma Área de Risco no Sítio Santa Luzia na Avenida W com a Rua 5 sofreram com alagamentos. De acordo com a Defesa Civil do município, há 12 moradias em situação de alto risco no local.