Do Mais Goiás

Anvisa notifica Corinthians sobre situação irregular do atacante Willian, que pode não enfrentar o Atlético-GO

Segundo o Corinthians, Willian viajou para Goiânia e está apto para poder atuar pelo time contra o Atlético-GO

Willian conversa com o treinador Sylvinho
Willian conversa com o treinador Sylvinho. Foto: Rodrigo Coca -Ag. Corinthians

De acordo com a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), o atacante Willian, do Corinthians não poderá enfrentar o Atlético-GO, neste domingo (12), no estádio Antônio Accioly. Segundo o órgão, o atleta chegou do Reino Unido recentemente e desta forma deveria cumprir a quarentena de 14 dias, fato que não ocorreu.

Por conta do descumprimento da quarentena obrigatória, a Anvisa notificou neste sábado (11), o Corinthians e a CBF à respeito da situação irregular do atleta, que assinou a Declaração de Saúde do Viajante (DSV) se comprometendo a cumprir a quarentena, no dia 1 de setembro.

“Considerando que notícias não oficiais recentes chegaram à Anvisa dando conta de que o jogador vem circulando em treinamentos e que participará de jogo neste domingo em outro estado da Federação, a Anvisa notificou de imediato o CIEVS para que adote as ações necessárias junto à Vigilância Sanitária do Estado ou Município para o cumprimento das medidas sanitárias, com vistas a evitar que o jogador descumpra o período de quarentena”, destacou a Anvisa.

A nota da Anvisa também ressalta que a Vigilância Sanitária do Município de Goiânia já foi acionada para poder atuar no caso. “Por se tratar de cidadão brasileiro, a atuação para a observância e acompanhamento do isolamento deve ser realizada pela autoridade local de saúde (secretaria estadual ou municipal), inclusive para o acionamento de autoridades policiais, caso necessário”.

Qual a diferença do caso do atacante Willian para os jogadores da seleção argentina?

A Anisa também destacou a diferença de tratamento entre o atacante Willian e os 4 atletas da seleção da Argentina, que também vieram do Reino Unido. Segundo o órgão brasileiro, o jogador do Corinthians não escondeu sua passagem pela Europa, diferente dos argentinos, que não informaram a passagem pelo Reino Unido.

No duelo entre Brasil e Argentina, a Polícia Federal também foi acionada, porém segundo a agência foi pelo falo dos atletas não serem brasileiros. Já no caso de Willian, ele é cidadão brasileiro e entrou legalmente no país.

‘Cabe esclarecer que, no caso do jogo do Brasil, a Anvisa acionou a Polícia Federal porque houve descumprimento de regra migratória praticada por estrangeiro ao ingressar no Brasil. No caso do jogador William, trata-se de brasileiro que ingressou no Brasil regularmente e que deveria cumprir medida sanitária no local de destino, de acordo com a Portaria nº 655/21″, concluiu a nota.