Hygor Ferreira
Do Mais Goiás

Antes do clássico, Augusto César tenta melhorar ataque do Goiás

Esmeraldino volta a campo diante do Vila Nova, no próximo domingo (11), no OBA

Augusto César dá orientações para jogadores do Goiás. Foto: Rosiron Rodrigues/Goiás

Vila Nova e Goiás se enfrentam no próximo domingo (11), no OBA, pelo Goianão. Para este duelo, Augusto César pretende melhorar a efetividade do setor ofensivo e vai dedicar muitos treinamentos para essa faixa do campo. Em sete jogos, a equipe marcou apenas seis gols. Dos atacantes, o único que balançou as redes foi Vinícius Lopes.

“Eu tenho quebrado a cabeça com a falta de gols e isso tem me tirado o sono. Temos trabalhado as finalizações, as movimentações, a amplitude do nosso ataque para buscar os ataques dentro da defesa adversária. Tem sido um ponto que tenho dedicado mais. Creio que vai começar a melhor, o Vinícius voltou a fazer gols, daqui a pouco os beiradas vão fazer também e os meias. Nossa situação ofensiva vai melhorar”, disse o treinador alviverde.

A falta de gols e a pouca produtividade da equipe tem como reflexo as escalações do time. Nos 7 compromissos que o Goiás realizou na temporada, Augusto César não escalou o mesmo time em mais do que uma partida. No setor ofensivo o único jogador que atuou como titular em todos os jogos foi Vinícius Lopes, que soma 3 gols no estadual.

Na parte defensiva, o time também não está bem. Foram 10 gols sofridos nos 7 jogos. A má fase fez com que o comando técnico realizasse algumas mexidas importantes na parte defensiva, como a troca de Marcelo Rangel por Tadeu e também a ida do experiente Fábio Sanches para o banco de reservas.

Apesar do time viver uma instabilidade, Augusto César aponta que o time está em evolução. “Eu creio que a nossa equipe tem crescido em amadurecimento de elenco. Essa sequência de jogos vai nos garantir o entrosamento do elenco e vamos chegar mais fortes para os próximos jogos”, completou o treinador alviverde.