Larissa Feitosa
Do Mais Goiás

Ambulância capota e causa morte de paciente na BR-153, em Goiânia

A ambulância da Prefeitura Municipal de Piracanjuba estava a caminho de Goiânia quando perdeu o controle e capotou

Ambulância da prefeitura municipal de Piracanjuba, Goiás para Goiânia, capota em BR-153 (Foto: Reprodução PRF)
Ambulância da prefeitura municipal de Piracanjuba, Goiás para Goiânia, capota em BR-153 (Foto: Reprodução PRF)

Na tarde deste domingo (20), o motorista de uma ambulância perdeu o controle da direção e capotou, na BR-153 . No acidente, um paciente de 70 anos, que estava sendo transportado, foi arremessado para fora da veículo e morreu no local.

De acordo com o condutor da ambulância, ele perdeu o controle ao tentar desviar de um veículo que entrou na via errada. Além do paciente, outras três pessoas estavam dentro da ambulância e foram encaminhados para hospitais em Goiânia.

O veículo que fez a suposta manobra errada, saiu do local sem prestar socorro e não foi identificado.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) autuou a ambulância por excesso de passageiros, já que o veículo só poderia transportar duas pessoas além do motorista, e pela falta do uso do cinto de segurança. O motorista realizou também o teste do bafômetro, que deu resultado negativo.

Final de semana

Outros três acidentes graves resultaram em vítimas feridas e fatais no final de semana. De sexta-feira (18) até este domingo (20), quatro pessoas vieram a óbito nas rodovias federais que cortam o estado de Goiás.

Na sexta-feira (18), um jovem de 29 anos morreu após um caminhão carregado ter capotado entre Anápolis e Goiânia, a carga voltou-se contra o rapaz, que não conseguiu resistir aos ferimentos. O veículo transportava milho verde na carroceria de maneira irregular e chegou a arremessar algumas pessoas na faixa de domínio da BR-153.

Ainda na sexta-feira, o motorista de uma caminhonete, o compositor Daniel Damasceno, de 35 anos, morreu em um acidente com um caminhão. O a colisão aconteceu na BR-452, em Itumbiara, Goiás. De acordo com a PRF, o condutor da caminhonete ficou preso às ferragens e morreu no local.

Na noite de sábado (19), um homem de 64 anos foi atropelado enquanto tentava atravessar a BR-452, no km 132, em Bom Jesus de Goiás. O condutor da motocicleta e o passageiro tiveram lesões e foram removidos para hospitais desta cidade e de Itumbiara, Goiás.

 

*Larissa Feitosa é integrante do programa de estágio do convênio entre Ciee e Mais Goiás, sob orientação de Hugo Oliveira